Um dos principais blogs de negócios e tecnologia do país

Wacom investe na capacitação de base e inspiração com visita de Aaron Blaise

0 568

O convite era irresistível, ver a apresentação de um  ex ilustrador/animador da Disney numa apresentação da Wacom Academy. É um projeto da marca, referência em seu segmento, para levar conhecimento sobre a indústria criativa e claro divulgar seus produtos. E foram dois encontros no Brasil, um na FAAP em São Paulo e outro na Anhanguera em Santo André. E foi neste último que estive presente.

A estrela do dia era o Aaron Blaise. O currículo dele é extenso: diretor e escritor com 27 anos de experiência e ama desenhar animais. Graduado pela Ringling College of Art em Ilustração em 1989, logo após foi contratado pela Walt Disney Feature Animation, onde ele passou 21 anos ajudando na criação de personagens e atuando em alguns dos personagens mais famosos da marca.

E não era para menos que eu estava empolgado como eu tenho 41 anos o Aaron atuou em animações que fizeram parte da minha infância: a Bela e a Fera, Aladdin, O Rei Leão, Pocahontas e Mulan. Também foi co-diretor de Irmão Urso, que recebeu indicação ao Oscar para concorrer como Melhor Filme Animado. Hoje ele está em turnê com a Wacom, como artista em destaque para o projeto Wacom Academy.

E aí veio a minha primeira surpresa com o evento. Normalmente nesse tipo de encontro os artistas vão lá e mostram tudo que os equipamentos podem fazer, cada feature e detalhes técnicos. Mas esse foi diferente. O Aaron falou muito mais sobre inspiração, sobre a carreira dele e de como ele persistiu para ser um animador de elite e como lidou com dramas da vida – sim eles acontecem.

Mais que um artista fabuloso, o Aaron teve a trajetória de quem saiu de uma infância humilde morando no “meio do nada” ganhou Hollywood, teve reviravoltas na vida e hoje trabalha fazendo o que gosta. E contar isso para jovens criativos parece ser tão fascinante e inspirador quanto somente vender produtos e nisso a Wacom parece ter acertado em cheio. Teve sim no final uma demonstração de equipamento, mas tão sutil e elegante que tudo caiu bem. É daquelas iniciativas que só uma marca que sabe o que tá fazendo consegue bancar. Tem a ver com maturidade e principalmente conhecimento de mercado.

Leia também  Samsung promove capacitação gratuita de Internet das Coisas para professores

No final do evento pude entrevistar a simpatia do Aaron Blaise e perguntei para ele sobre o futuro do emprego. As máquinas poderiam roubar o trabalho de jovens da indústria criativa? “Muita gente reclama que o trabalho está indo embora por causa da tecnologia, mas eu não concordo com isso. O fato é que as ferramentas estão mudando e eu acho saudável abraçar essas novidades”. E olha lá eu tietando o Aaron:

-  - Wacom investe na capacitação de base e inspiração com visita de Aaron Blaise

Eu também perguntei para ele sobre o futuro da animação e que eu particularmente achava que esta tudo indo para um lado cada vez mais realista. Ele disse que a questão não é bem essa e que na verdade a tecnologia abriu novas possibilidades.

O futuro da animação vai para onde quisermos ir. Hoje as ferramentas digitais permitem que se faça coisas que nunca pudemos fazer antes. Antigamente eu pensava em coisas que eu não podia fazer, mas hoje uma Cintiq me permite criar sem limitar minha criatividade.

Novidades da Wacom

Eu aproveitei e conversei também com o Thiago Machado, Country Manager da Wacom no Brasil, e como já chegamos no último trimestre do ano quis saber um pouco como foi 2017 e se já podíamos desenhar um cenário para o próximo ano.

Mas antes eu quis entender um pouco dessa estratégia da marca de fazer um evento como esse. Ele me disse que isso faz parte de uma estratégia maior da empresa de sempre estar perto das empresas criativas, universidades e departamentos de design da indústria para compartilhar experiências.

Em um ano complicado para diversos segmentos a marca não só comemora resultados positivos como já anuncia novidades. Então com a palavra o Thiago: “esse ano de 2017 foi um ano positivo para a Wacom, que vem lançando uma série de produtos que contribuem para o nosso crescimento do mercado. Nesse momento está chegando no Brasil a Mobile Studio Pro – que é o nosso estúdio móvel – e no próximo trimestre vamos ter a Cintiq de 24 polegadas e de 32 polegadas Full HD 4K”. E ele finaliza:

A economia laranja é uma economia que está crescendo. Existem novas tendências de mercado: realidade virtual, animação. Cursos de animação estão crescendo e recebendo novos alunos. Nós acreditamos muito no mercado criativo.

 

Leia também  Campanha de Natal do Vale Sul Shopping inspira sonhos

E nós aqui do Blog do Armindo também Thiago e já aproveito para agradecer novamente a oportunidade de estar com a Wacom nesse evento e que venham os próximos encontros.

- pinit fg en rect red 28 - Wacom investe na capacitação de base e inspiração com visita de Aaron Blaise

Deixe uma resposta