Um dos principais blogs de negócios e tecnologia do país

Mastercard anuncia resultados de estudo sobre millennials na América Latina

3.239

Durante a 6ª. edição do Fórum de Inovação da Mastercard para a América Latina e o Caribe, a Mastercard divulgou um estudo encomendado à Harris Research sobre o comportamento de consumo dos millennials na América Latina. O objetivo é descobrir o que motiva millennials no Brasil, México e Colômbia para construir laços duradouros junto a essa geração.

O estudo revelou que 64% dos millennials latino-americanos adotam novos comportamentos que constantemente desafiam o “status quo”. Essa geração não quer esperar por soluções para os problemas que enfrentam, e 77% dos entrevistados concordam que precisam construir seu próprio caminho para o sucesso, sem depender de terceiros, enquanto 75% querem abrir seu próprio negócio.

“A importância da tecnologia para os millennials e a confiança que possuem em seu potencial para resolver problemas (do mundo) faz da tecnologia digital o principal meio pelo qual as instituições financeiras podem relacionar-se com esse público e ter um impacto positivo em suas vidas”, explica Ana Ferrell, Vice-presidente sênior, Marketing e Comunicações, da Mastercard América Latina e Caribe.

Os millennials acreditam que a educação e as experiências de vida são as duas principais características que compõem sua identidade. O estudo revelou que a independência financeira é a prioridade desta geração. Isso talvez seja explicado pelo fato de que 67% dos millennials latino-americanos estão passando por instabilidades financeiras.

Como um grupo, os millennials querem construir uma sociedade mais robusta. O estudo destacou que 44% dos entrevistados sentem que sua geração está mais envolvida em suas comunidades quando comparada com gerações anteriores. Para 71% dos entrevistados, o trabalho deve envolver algo que tenha significado em suas vidas. No Brasil, por exemplo, 1 em cada 3 entrevistados declarou dedicar tempo a uma atividade social ou a uma causa.

Embora o que os millenials desejam seja, acima de tudo, a possibilidade de viajar, é possível notar a importância da tecnologia na vida dos jovens latino-americanos. E fica evidente que a tecnologia faz parte de sua identidade como uma geração: 85% das mulheres entrevistadas acreditam que não teriam o mesmo nível de educação sem acesso à tecnologia digital[1]. Em geral, 52% acreditam que a tecnologia digital tem o poder de resolver muitos dos problemas que a sociedade enfrenta.

-  - Mastercard anuncia resultados de estudo sobre millennials na América Latina

Esta geração transcendental está sempre à procura de novas inovações tecnológicas, e um em cada três millennials latino-americanos consideram-se ‘pioneiros’ na adoção de novas tecnologias. Os dispositivos móveis são o principal meio de capacitação, e os millenials da América Latina passam uma média de 18 horas por dia consumindo conteúdo multimídia, compartilhado, principalmente, por seus amigos[2].

Analisando o comportamento de consumo da geração Y:

  • 65% pesquisam produtos online antes de finalizar uma compra.
  • 62% estão sempre à procura do melhor preço ou alguma oferta.
  • 49% não estão satisfeitos com as opções de pagamento disponíveis, e 46% emprestariam seu cartão de crédito a amigos.
  • 45% querem a oportunidade de usar opções de pagamento digitais com mais frequência, embora muitas lojas não as aceitem.
  • 35% portam dinheiro apenas porque existem lojas que somente aceitam esse meio de pagamento.
  • 2 entre 5 millennials somente compram produtos alinhados aos seus valores.
  • 54% dos millennials preferem comprar produtos de empresas socialmente responsáveis.

Instituições financeiras podem impactar a vida de millennials latino-americanos de diversas maneiras. O estudo revelou que a geração Y quer mais facilidade para:

 

  • Reduzir dívidas (65%)
  • Gastar seu dinheiro com mais inteligência (64%)
  • Monitorar despesas mais eficientemente (62%)
  • Planejar um orçamento (61%)
  • Investir seu dinheiro (58%)
  • Investir em negócios inovadores (57%)

 

Os millennials são responsáveis pelo grande boom de inovação ao redor do mundo. Enquanto os millenials continuarem sua luta pela independência financeira, as empresas do setor financeiro terão uma grande oportunidade de se apresentar como aliadas desta geração durante a busca por estes objetivos.

Particularidades de cada mercado:

Brasil:

  • Para 32% dos millennials brasileiros, dedicar seu tempo a uma causa social no qual acreditam é uma prioridade.
  • 74% pesquisam produtos online antes de finalizar uma compra.
  • Em termos de online banking, metade dos millennials brasileiros dizem que seu banco não está atendendo às suas expectativas.
  • 21% vivem de salário a salário.

México:

  • 63% dos millennials mexicanos são apaixonados por seu emprego.
  • Um terço diz que a saúde está entre as três prioridades de suas vidas.
  • 73% estão dispostos a tomar grandes riscos para alcançar seus objetivos.
  • 1 em cada 3 mexicanos acredita que precisa manter sua identidade cultural para melhorar seu país.

Colômbia:

  • 56% dos colombianos consideram cartões de crédito fundamentais para viagens internacionais.
  • 40% gostariam de fazer uso de pagamentos digitais, porém muitas lojas não os aceitam.
[1] (Mexico News Network, 2016 — http://www.mexiconewsnetwork.com/lifestyle/mexican-millennial-empowered-women-latam/).
[2] Ipsos, 2014 — https://ivetriedthat.com/wp-content/uploads/2015/02/Social_Influence_Research_Paper.pdf)

- pinit fg en rect red 28 - Mastercard anuncia resultados de estudo sobre millennials na América Latina

Leia também  Consumidores da América Latina estão menos fiéis às marcas

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.