Quanto eu cobro pelos anúncios no meu blog?

Como essa pergunta apareceu mais de uma vez comigo na semana passada resolvi escrever sobre. E como sempre já aviso que não há uma fórmula mágica e tenha em mente o seguinte, o trabalho é seu e você cobra o quanto quiser. Se o mercado vai pagar são outros quinhentos. Então de uma maneira geral preço neste tipo de serviço é a relação de quanto você quer cobrar x quanto o mercado está disposto a pagar. Só que nem sempre essa relação vai ser fácil de descobrir.

O trabalho é seu e você cobra o quanto quiser

Mas a minha primeira dica é não queira descobrir quanto você quer cobrar, mas qual valor (no sentido de dinheiro e no sentido de valor percebido) você oferece aos anunciantes. Se você cobra R$ 300,00 por um anúncio o anunciante quer um benefício com este anúncio certo? Se ele investir R$ 300,00 no meu blog ele vai ter esse dinheiro de volta de alguma forma? Meus leitores estarão atraídos por aquele produto a ponto de falar sobre ele, compartilhar sobre ele ou gerar diálogos sobre ele?

Receba novidades

A discussão principal não é quanto você cobra, mas o quanto você oferece.

Pense no contrário um anunciante investe R$ 1.000,00 em você e gera vendas extras que lhe dão R$ 2.000,00 de lucro inesperado, opa temos aí um bom negócio. É claro que nem sempre o anunciante vai pensar só em vendas diretas. Ele pode também querer deixar a marca mais conhecida, fazer com que mais pessoas falem sobre a marca ou que conheçam uma determinada peculiaridade de um produto.

É normal me perguntarem também quando os blogueiros cobram em média e isso dependente imensamente. Não há uma média nem tabela. De uma maneira geral os anunciantes vão analisar (ou deveriam) os seguintes eixos:

  • Número de páginas visitadas
  • Nicho
  • Engajamento dos leitores nos canais sociais
  • Posição ou tipo de anúncio
  • Tempo de exposição
  • Volume de tráfego gerado em ações
  • Marcas anteriores que já anunciaram com você
  • Sua atitude, personalidade e comportamento

Não adianta você ter 1 zilhão de leitores que não interagem em nada, assim como pra uma joalheria de jóias muito caras não interessa falar com um milhão de pessoas. Não adianta você colocar o anúncio no final do blog onde ninguém vai ver ou postar um publieditorial e sumir com ele da home assim que puder. E não adianta você receber pagamento para falar de uma marca popular se você só cultua marcas de luxo.

E por fim quanto custa para você ser blogueiro? Não adianta você querer saber quanto cobra se não sabe quanto custa: anúncios, sua hora de trabalho, equipamento, internet, cursos, almoços, encontros. Tudo isso custa e deve entrar na sua planilha de gastos com o blog.

Mas ainda não sei quanto cobrar

Bom você chegou até aqui e ainda não sabe o quanto cobrar, vou dar algumas dicas para te ajudar nessa, mas não são regras. Como eu disse lá em cima o trabalho é seu então só você pode dizer o quanto cobrar.

Dica 1

Quanto você gostaria de ganhar por mês? Respondendo essa pergunta você divide pela quantidade de dias que gostaria de trabalhar e depois pela quantidade de horas que trabalha no blog por dia.

Vamos supor então que você queira ganhar R$ 5.000,00/mês trabalhando 20 dias sendo 6 horas por dia no seu blog.

Então teríamos (R$ 5.000/20)/6 = R$ 41,70 /hora.

E aí você sabe que a sua hora de trabalho custa cerca de R$ 40,00 e então pode aplicar isso para cobrar suas atividades para uma marca entre o planejamento da campanha, publicação e relatório de pós-venda. Então se para fazer um anúncio com todas essas etapas você levaria 10 horas deveria cobrar pelo menos R$ 400,00.

Dica 2

Faça um inventário de espaços publicitários em seu blog. Vamos supor que você tenha 3 espaços para banners e gostaria de publicar no máximo 7 publieditoriais por mês e gostaria de ganhar os mesmos R$ 5.000,00. Então você faz a fórmula de ganho mensal/dividido por total do inventário x o peso do anúncio. Sendo que peso do anúncio é uma proporção que você pode aplicar para anúncios com mais exibição que outros: um banner no topo do site tem peso maior que um na lateral.

Então no nosso exemplo ficaria

(R$ 5.000,oo /10 (3 banners+7 publis)= R$ 500,00

E aí eu posso, por exemplo, cobrar 700,00 por um banner no topo, 500,00 por um banner na lateral e 300,oo num banner inferior.

Dica 3

Essa é mais difícil mas não impossível. Cobre uma comissão sobre negócios fechados. Vamos supor que seu anunciante venda peças X. Então ele cria um link especial para suas indicações e a cada compra fechada você ganha um percentual.

Tenho certeza que podem ter ficado dúvidas (ou você conheça outros métodos) então não deixe de colocar nos comentários sua contribuição. Farei um novo post com o material dos comentários.

Foto: Megan Stevens/Freeimages.com

Receba novidades
Receba toda sexta-feira as principais novidades do Blog.
Você pode cancelar a assinatura a qualquer momento
1 comentário
  1. Adriana Gobato Diz

    Muito bom !

Comentários estão fechados.