LG anuncia resultados do terceiro Tri. Mobile tem recuperação com famílias Q e K

A LG Electronics anunciou que as receitas consolidadas do terceiro trimestre de 2017 foram de KRW 15,22 trilhões, ou US$ 12,51 bilhões, um aumento de mais de 15% em relação ao terceiro trimestre do ano anterior. Todas as quatro grandes divisões de negócio da LG reportaram receitas superiores às do mesmo período no ano anterior. O lucro operacional trimestral, de  KRW 516,1 bilhões (US$ 455,7 milhões), é quase duas vezes o de 2017, refletindo a forte lucratividade dos segmentos de entretenimento doméstico e eletrodomésticos, apesar do ambiente de negócio pessimista resultante das crescentes preocupações com o comércio internacional.

A LG Home Appliance & Air Solution Company respondeu novamente pela maior parte da receita trimestral, com KRW 4,98 trilhões (US$ 4,4 bilhões), subindo 16% em relação ao mesmo período no ano passado graças às fortes vendas na América do Norte, Europa e Ásia, especialmente no mercado doméstico. O lucro operacional, KRW 424,9 bilhões (US$ 375,16 milhões), representa um crescimento de 26% ano sobre ano. A demanda por eletrodomésticos premium na Europa, América Latina e Ásia, especialmente na Coreia, deve continuar forte no quarto trimestre.

A LG Home Entertainment Company reportou seu maior lucro operacional trimestral, KRW 458 bilhões (US$ 404,39 milhões), com margem operacional recorde de 9,9%, graças à maior demanda de televisores premium nas Américas e na Ásia. As vendas subiram 12% em relação ao mesmo período em 2016, chegando a KRW 4,64 trilhões (US$ 4,09 bilhões). A estratégia da LG de expandir o componente premium de sua divisão de TVs por meio do foco em TVs OLED e ULTRA HD para superar o volume da concorrência tem se mostrado um sucesso. O total de unidades de TVs OLED vendidas até o final do terceiro trimestre equivale à venda total de 2016, que foi mais duas vezes superior aos números de 2015.

Receba novidades

A LG Mobile Communications Company registrou uma receita de KRW 2,81 trilhões (US$ 2,48 bilhões), alta de 8% e 4% em relação ao ano e trimestre anterior, respectivamente, resultado que se deve principalmente às vendas do smartphone LG G6, o  flagship da LG, e de novos modelos voltados ao mercado de massa, como os das famílias Q e K. O prejuízo operacional de KRW 375,3 bilhões (US$ 331,37 milhões) representou uma melhora de 13% em relação ao terceiro trimestre de 2016. As remessas de smartphones totalizaram 13,7 milhões de unidades, subindo 44% e 9% no mercado doméstico e da América do Norte, respectivamente, em relação ao segundo trimestre. No último trimestre do ano, esta divisão se concentrará em impulsionar as vendas do bem avaliado V30 e em melhorar a competitividade de custos.

A LG Vehicle Components Company registrou fortes vendas, KRW 873,4 bilhões (US$ 771,2 milhões), alta de 29% em relação ao terceiro trimestre de 2016, embora tenha reportado prejuízo operacional de KRW 29 bilhões (US$ 25 milhões) no trimestre, um reflexo dos contínuos investimentos em P&D e em desenvolvimento de negócios. As vendas de  produtos de infotainment e componentes para veículos elétricos (VE) continuaram fortes, embora o desaquecimento nas vendas de automóveis em nível mundial tenha afetado o crescimento da divisão. A expectativa é que um aumento na produção de VE das grandes montadoras ajude a expandir o negócio de componentes automotivos a partir de agora.

Sobre as taxas de câmbio do terceiro trimestre de 2017

Os resultados trimestrais não auditados da LG Electronics para o período de três meses encerrado em 30 de setembro de 2017 são baseados nas normas internacionais de contabilidade IFRS (International Financial Reporting Standards). Os montantes em wons (KRW) são convertidos em dólares (US$) pelo câmbio médio dos três meses que compõem o trimestre correspondente – KRW 1.132,57 equivalem a US$ 1.Serviço:

Receba novidades
Receba toda sexta-feira as principais novidades do Blog.
Você pode cancelar a assinatura a qualquer momento

Comentários estão fechados.