Modern technology gives us many things.

Como o Twitch vai conquistar o mundo

95

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

40770910102 aa80cc35b2 z - Como o Twitch vai conquistar o mundo

Foto por BagoGames/CC BY 2.0

A primeira versão do Twitch foi lançada em 6 de junho de 2011 durante a E3. Originalmente a plataforma surgiu a partir do justin.tv para se tornar uma nova maneira de transmitir jogos online, mas nos últimos anos cresceu de maneira exponencial e seu conteúdo se tornou cada vez mais amplo e diversificado.

Por ter saído do justin.tv, logo no lançamento a plataforma já contava com mais de 3 milhões de usuários, incluindo espectadores e transmissores combinados do hoje extinto serviço. Junto com o novo espaço, o Twitch forneceu às emissoras de jogos ferramentas para transmitir seus jogos.

Sistema de parceria com canais, aquisição bilionária e ótimo relacionamento com usuários impulsionaram o crescimento da plataforma

Como forma de atrair novos canais para o site e possibilitar que o serviço fosse monetizado, no final de julho do mesmo ano a empresa lançou seu programa de parceiros.

O sistema, que consiste em uma mistura de publicidade e assinaturas de canais, funcionou e o serviço rapidamente começou a contar com um número muito maior de produtores de conteúdo de qualidade e, ainda mais importante, novos usuários atraídos pelo que era produzido.

De acordo com dados fornecidos pelo site, já em agosto o número de visitantes mais que dobrou dos 3 para 8 milhões de visitantes. Ao mesmo tempo, as visualizações do site aumentaram até atingir a incrível marca de um bilhão de minutos.

Após quatro anos de crescimento constante, a empresa eventualmente foi adquirida pela Amazon em uma negociação bilionária. A parceria se revelou extremamente benéfica e menos de um ano após a venda a plataforma atingiu a impressionante marca de 100 milhões de usuários mensais com um horário nobre que superou o de emissoras tradicionais.

Já em 2016 o número de usuários quase dobrou novamente. Um relatório da SuperData de 2017 revelou que já neste ano mais pessoas assistiam aos vídeos da plataforma do que ESPN, HBO, Hulu e Netflix combinados.

Aproximadamente 185 milhões de pessoas assistiram a vídeos de jogos no Twitch naquele ano. Em comparação, a HBO tinha cerca de 130 milhões de assinantes e a Netflix 93 milhões.

A SuperData também previu que o público global de conteúdo chegaria a 665 milhões de espectadores em 2017, com a expectativa de que ocorra um aumento de 21% nas visualizações até 2021.

Além disso, a empresa observou que o fã norte-americano comum de jogos para PC e consoles, que assiste muito conteúdo do Twitch ou do YouTube, outro gigante do streaming, gasta mais de 70 dólares por mês em jogos digitais, conteúdo para o jogo e itens relacionados.

Este valor que é 56% maior do que os jogadores que não assistem ao conteúdo destas plataformas e explica grande parte do crescimento explosivo da indústria, que mantém uma ótima conexão direta e indireta com seus fãs através dos canais na plataforma e outros meios, como torneios e eventos promocionais.

Twitch mit Prime - Como o Twitch vai conquistar o mundo

Foto por LHemmers/CC BY-SA 4.0

 

Mercado de streaming também cresceu no Brasil

Nos últimos anos também houve um grande crescimento do mercado de streaming e e-sports no Brasil, que eventualmente chamou a atenção das empresas. Leo de Biase, CEO da ESL Brasil, companhia especializada no setor, falou da relação entre o usuário e este tipo de conteúdo e prevê grandes números para o segmento no país.

“O Brasil ainda é pequeno em questão de revenue, mas isso não impede de, mesmo assim, ser considerado um mercado estratégico para quase todas as empresas da área. O público brasileiro é muito fiel às marcas que investem no segmento, que é muito mais do que um hobby para eles. Atualmente temos, inclusive, grandes estrelas de esports, youtubers e influenciadores brasileiros com reconhecimento mundial” afirmou De Biase durante uma entrevista para o blog.

Lançado em junho no Brasil, o Twitch Prime, versão paga da plataforma de streaming, pretende capturar a atenção dos fãs brasileiros ao aumentar significativamente a quantidade de benefícios oferecidos.

“O Twitch Prime cresceu drasticamente desde que foi lançado em setembro de 2016 na América do Norte e na Europa Ocidental. O programa ajuda os streamers a atrair seguidores, as desenvolvedoras de jogos a alcançarem mais clientes e os fãs a obter conteúdos gratuitamente, enquanto apoiam seus canais favoritos” afirmou Ethan Evans, Vice-Presidente de Comércio da companhia, sobre a expansão do Prime para novos países.

Assim como o Twitch foi lançado atrelado ao justin.tv, o Twitch Prime no Brasil pode ser acessado com uma assinatura do Prime Video, a plataforma de séries e filmes da Amazon.

Esta manobra deve garantir que um número muito maior de usuários dê uma chance ao serviço, que permite aos assinantes acesso sem anúncios aos canais da plataforma, conjuntos exclusivos de cores e emotes para o chat e até mesmo jogos de graça.

Muito além dos e-sports

O Twitch Prime pode ser vinculado ao Prime Video, mas não há necessidade de mudar de plataforma para assistir conteúdo diverso de e-sports. Atualmente existe uma grande variedade de canais e transmissões na plataforma, como os atletas de pôquer que ensinam os usuários a dominar o Texas Hold’em, a variedade mais popular do esporte.

Um dos principais canais é o do competidor profissional Parker “TonkaaaaP” Talbot. Membro original da renomada equipe Never Lucky, Talbot é um dos streamers mais famosos do esporte das cartas e suas transmissões diárias ensinam e divertem uma legião de fãs.

Canais de música e arte também são populares no Twitch. O canal do streamer The8bitdrummer é conhecido pelas suas transmissões de rock, dubstep, improvisações e até mesmo músicas originais. A comunidade criada por ele é muito forte e o artista inclusive recompensa seus fãs atendendo a pedidos de músicas e distribuindo brindes.

O pintor Bob Ross, do extinto programa de televisão “The Joy of Painting!”, pode não ser muito conhecido no Brasil, mas seus vídeos também são um grande sucesso no Twitch internacional, especialmente pelo efeito calmante e quase terapêutico de suas transmissões.

Estes são apenas alguns exemplos, já que nos últimos o número de streamers e canais aumentou ainda mais e atualmente existem mais de 25 mil deles nos mais diversos segmentos para escolher.

O Twitch surgiu de maneira tímida no começo da década e já conquistou números impressionantes que rivalizam até mesmo com emissoras estabelecidas no mercado fonográfico tradicional.

Além da produção de conteúdo voltado para e-sports, a plataforma também conseguiu produzir conteúdo diversificado e se estabelecer no mercado geral de streaming com sua nova forma direta de se relacionar com os usuários. Nos próximos anos o Twitch deve crescer cada vez mais e se tornar o principal nome para transmissões ao vivo no mainstream.

pinit fg en rect red 28 - Como o Twitch vai conquistar o mundo

Receba novidades
Receba toda sexta-feira as principais novidades do Blog.
Você pode cancelar a assinatura a qualquer momento

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.

%d blogueiros gostam disto: