Sob gestão da DMCard, vendas nos cartões da rede BH Supermercados triplicam

No segundo semestre de 2018, a DMCard adquiriu toda a carteira de clientes do cartão private label da rede BH Supermercados que, até então, fazia a gestão do crédito internamente. Em janeiro, com o término da transição e 100% do crédito próprio sob administração da DMCard, o total gasto por esta forma de pagamento foi de R$ 13,5 milhões. O montante representa quase o triplo do que foi movimentado em dezembro nos cartões ainda geridos pela própria rede, que totalizou R$ 5,5 milhões.

Além disso, a aprovação de cartões na rede mineira que era de apenas 18% das propostas enviadas, mais do que dobrou, subindo para 39% com a entrada da DMCard. Isso mostra como a gestão de uma especialista no segmento pode fortalecer o cartão de loja como uma verdadeira ferramenta para impulsionar resultados. “Mais cartões aprovados, clientes atendidos com excelência e o atendimento mais personalizado graças ao CRM têm significado mais vendas em todas os varejistas parceiros da DMCard”, diz Carlos Tamaki, Diretor Financeiro da DMCard.

A BH Supermercados é a 7ª maior rede do país neste segmento e, em 2018, registrou um faturamento de R$ 6 bilhões, segundo a Associação Brasileira de Supermercados (Abras).

Receba novidades

“Um crescimento no valor movimentado de quase 300% é um resultado que todos estão celebrando tendo em vista o cenário econômico e o PIB nacional que cresceu apenas 1,1% em 2018.

Compra de carteiras como estratégia de crescimento continua

Já foram mais de dez carteiras de crédito adquiridas pela DMCard desde sua fundação, comportamento que tem sido intensificado nos últimos anos. A última delas foi do grupo UnidaSul, do Rio Grande do Sul, que entregou à empresa de São José dos Campos a gestão do private label de suas duas redes supermercadistas, a Supper Rissul (varejista) e Macromix (atacado). Juntas, totalizam 46 lojas formando a terceira maior rede supermercadista do Rio Grande do Sul, com um faturamento anual de R$ 1,4 bilhão, segundo o ranking da Associação Gaúcha de Supermercados (Agas).

A compra potencializa a penetração da DMCard na Região Sul do país, um dos focos para o desenvolvimento da empresa. Além disso, reforça a estratégia da companhia que visa à aquisição de carteiras de cartões private label do varejo como um dos caminhos para manter seu ritmo de crescimento acentuado.

Estratégia de crescimento DMCard

Nos últimos seis anos, A DMCard tem registrado um crescimento constante na média de 30% ao ano e se consolidado como uma das líderes desse segmento e como a maior empresa especializada em crédito e tecnologias de sistemas de pagamento para o setor supermercadista.

A DMCard sempre mantém em sua estratégia de crescimento a aquisição de carteiras de varejistas que administram o próprio cartão. Em toda história da administradora já foram adquiridas mais de dez operações.

“Desde o ano passado, parte da estratégia para manter nossa média de crescimento está na prospecção de grandes e médias redes com faturamentos a partir de R$ 100 milhões e também na aquisição de carteiras de clientes. Acreditamos que para manter nossa evolução em dois dígitos nos próximos anos é fundamental sempre observar as diversas oportunidades, pois as duas empresas se beneficiam muito com a parceria. A DMCard pode aumentar sua escala e o varejista libera seu capital para continuar crescendo por meio de abertura de novas lojas e, por que não, adquirindo outras redes”, diz Carlos Tamaki, Diretor Financeiro da DMCard.

Crescimento durante a crise

Como uma das líderes em seu segmento, os resultados da DMCard são um recorte desse mercado que comprova a força e a importância do cartão de marca própria para o segmento supermercadista e para o poder de compra do consumidor. O que pode ser percebido quando os números da empresa são comparados com a variação extremamente tímida da economia em geral. Por exemplo, dados consolidados pelo Banco Central apontam para um crescimento do PIB de apenas 1,1%, em 2018. Já a Abras (Associação Brasileira de Supermercados), mostra um crescimento real do consumo nos supermercados de apenas 2,07%.

Tamaki explica o que tem impulsionado os bons resultados nos últimos anos. “O cartão de loja tem sido cada vez mais buscado pelo consumidor como uma alternativa, já que tem encontrado dificuldade em conseguir crédito na rede bancária. Além disso, as instituições bancárias têm se afastado do setor private label abrindo espaço para empresas especializadas como a DMCard”.

Sobre a DMCard

A DMCard é uma administradora de cartões private label que nasceu em 2002, em São José dos Campos, interior de são Paulo. A empresa viabiliza a redes de supermercados e de materiais de construção, a possibilidade de oferecerem aos seus consumidores um cartão de crédito de marca própria que, além de aumentar as vendas, fideliza seus clientes.

Denis César Correia, Diretor Executivo da empresa, explica o sucesso e os diferencias da DMCard: “Somos uma empresa especialista em varejo, por isso podemos atender às necessidades específicas do segmento”.

A DMCard nasceu de uma pequena operação de cartões de fidelidade de uma rede varejista. Hoje, possui uma completa e integrada estrutura de administração e processamento de operações, e atua em diversas regiões do Brasil. A empresa já ultrapassou a marca de dois milhões de cartões emitidos para mais de 299 redes e 5.403 lojas, incluindo Sonda, Cobal, Spani, Semar, Royal, Unissul, Docelar, Joanin, Ricoy, Imec, BH, Koch, Paulistão e Althof.

Além do crédito, a DMCard ainda oferece uma poderosa ferramenta de CRM que coleta informações sobre o hábito de compra dos consumidores, permitindo, assim, a criação de campanhas personalizadas e relevantes para os diferentes perfis de clientes existentes.

Com nota alta em qualidade de serviço, a DMCard é a única empresa de cartões que possui o selo RA1000, garantindo o compromisso da marca em oferecer o melhor serviço para seus parceiros e clientes.

Receba novidades
Receba toda sexta-feira as principais novidades do Blog.
Você pode cancelar a assinatura a qualquer momento

Comentários estão fechados.