Casais brasileiros são os que mais traem ao redor do mundo… quando se trata de Netflix

Assine nossa newsletter

Nenhum relacionamento está a salvo. De acordo com um novo estudo* divulgado hoje pela Netflix, pelo menos metade (46%) dos casais ao redor do mundo já “traíram” sua cara metade, mas não é o que você está pensando.

Definida como ‘assistir à uma série de TV antes da sua metade da laranja’,  a traição via Netflix foi inicialmente descoberta em um estudo nos EUA, em 2013. Quatro anos mais tarde, as traições triplicaram e se tornaram um comportamento comum ao redor do mundo. Este comportamento só continua crescendo, com 60% dos consumidores dizendo que trairiam mais frequentemente se soubessem que não seriam descobertos. E, uma vez que você trai, você não consegue parar: 81% dos infiéis são reincidentes e 44% traíram três ou mais vezes.

Na América Latina – surpresa! – os casais brasileiros e mexicanos são os que mais traem: 58% confessaram já ter assistido à série preferida sem o/a parceiro/a. E quem trai mais no Brasil? Os homens saem na frente, com 53% na “escala traidora”, deixando as mulheres com 47%. De acordo com os casais entrevistados no país, comédia parece ser o gênero favorito para essas puladas de cerca: 43% preferem rir ao trair, mesmo se, em regra geral, os dramas ainda reinem entre os infiéis. Se a  maioria das traições ocorre por impulso, são 86% dos casais que assumem isso, elas também se tornaram socialmente aceitas: 45% disseram que não é tão ruim assim. No entanto, casais brasileiros são mais ciumentos do que seus pares chilenos: 16% pensam que esse tipo de traição é pior do que ter amante de verdade, contra apenas 8% dos chilenos.

Assine nossa newsletter
Em um mundo de maratonas de séries em que é fácil falar “só mais um”, a traição via Netflix vem rapidamente se tornando o novo padrão
casaistraem
 Dados globais:
ONDE AS TRAIÇÕES ESTÃO ACONTECENDO? (EM TODO LUGAR)
Traições acontecem em todo o mundo… embora variem um pouco em cada país. Os maiores infiéis estão no Brasil e no México, onde 58% dos casais que fazem streaming já traíram. Os espectadores mais fiéis estão na Holanda (73% nunca traíram), Alemanha (65%) e Polônia (60%).
COM QUAIS SÉRIES ESTAMOS TRAINDO? (TODAS)
Embora nenhuma série esteja a salvo, as maiores tentações para traição são The Walking Dead, Breaking Bad, American Horror Story, House of Cards, Orange Is The New Black, Narcos, e Stranger Things.
POR QUE TRAÍMOS? (NÃO CONSEGUIMOS RESISTIR)
A maioria não planeja trair… isso simplesmente acontece: 80% das traições não são planejadas. O gatilho para a crescente tendência de traição? Dois terços (66%) dos pesquisados diz que “as séries são tão boas que não conseguimos parar de assistir”.
COMO TRAÍMOS? (DE TODAS AS FORMAS POSSÍVEIS)
Durma com um olho aberto: 25% das traições ocorre quando um dos parceiros adormece. Mas se isso constitui traição é motivo de debates acalorados. Metade dos consumidores acha que “traição no sono” não conta (53%), mas a moralidade de “traição no sono” varia pelo planeta. Os chilenos acham que não é um grande problema, enquanto o Japão vê como algo imperdoável. Muitos ainda estão traindo em segredo: 45% nunca admitem suas indiscrições.
TRAIR É TÃO GRAVE ASSIM? (DEPENDE DE ONDE VOCÊ VIVE)
Se você der uma escapada, não se martirize. A traição tem se tornado moralmente aceitável, com 46% dizendo que “não é tão grave”. Exceto, claro, se você vive em Hong Kong, onde 40% acham que assistir antes de seu parceiro é pior do que ter um amante de verdade.
COMO DIVULGAMOS A NOTÍCIA SOBRE ESSA TENDÊNCIA MUNDIAL? (VISUALMENTE, CLARO)
Traições acontecem de muitas formas. Assim, a Netflix criou uma série de materiais para ajudar a explicar o fenômeno. “Perfis de Traição” destacam os tipos mais comuns de infiéis à espreita em casas ao redor do mundo. Este infográfico ilustra os motivos e comportamentos escandalosos de espectadores, e os GIFs com reações ajudam casais a trabalharem suas indiscrições para que protejam seus relacionamentos… ou continuem traindo.
Assine nossa newsletter

Comentários estão fechados.