Tecnologia | Games | Filmes & Séries | Geek
Banner KTO

CCXP23 anuncia a participação de Box Brown, renomado quadrinista e autor norte-americano

A CCXP23, o maior festival de cultura pop do mundo, anuncia a participação inédita do premiado quadrinista norte-americano Box Brown. Ele estará presente em todos os dias do evento no Artists’ Valley by Bis, em uma parceria da CCXP com a Editora Mino. A programação detalhada do convidado será disponibilizada posteriormente no site oficial da CCXP23.

Listado entre os mais vendidos do The New York Times, Box Brown é reconhecido por obras de não-ficção em quadrinhos como ‘André, o Gigante’ (2014), ‘Tetris’ (2016), ‘Cannabis’ (2019) e ‘Efeito He-man’ (2023), este último representando uma análise abrangente sobre a influência e os efeitos que o mercado de brinquedos teve na formação de gerações a partir da década de 1980. Além disso, Brown é vencedor do prestigioso Prêmio Eisner, o prêmio mais cobiçado na indústria de histórias em quadrinhos.

Anúncios

Box Brown é conhecido por seu estilo peculiar, que combina a criatividade inovadora e visual das histórias em quadrinhos com narrativas inspiradas no jornalismo investigativo e literário que o próprio autor chama de “documentário em quadrinhos”. Em uma de suas obras mais recentes, ‘Cannabis’ (2019), Brown oferece uma visão crítica e esclarecedora sobre a história e os impactos da proibição da maconha nos Estados Unidos, um movimento que se intensificou com a ascensão de figuras como o ex-presidente americano Donald Trump. Na CCXP23, Brown vem para promover a sua mais nova obra chamada de ‘O Efeito He-man'(2023), publicada no Brasil pela Editora Mino, na qual ele mostra como a manipulação corporativa catapultou as action-figures musculosas e ultra-acessorizadas às alturas nos anos 80 e além ao jogar o holofote para cima de marcas como He-man, Transformers, My Little Pony e até mesmo o próprio Mickey Mouse.

“Estamos entusiasmados em receber Box Brown na CCXP23. Ele é um dos principais autores de obras de não-ficção em quadrinhos da atualidade e queremos que o público brasieliro tenha mais contato com esse gênero das hqs. A atualidade dos temas que ele aborda em suas obras tornam sua presença na CCXP ainda mais oportuna”, afirma Ivan Costa, sócio-fundador do evento e curador da programação de Histórias em Quadrinhos da CCXP23.

Comentários estão fechados.

Esse site usa cookie para melhor sua experiência Aceitar