Tecnologia | Games | Filmes & Séries | Geek

CCXP23 recebe a francesa Léa Murawiec, quadrinista de “O Grande Vazio”

A quadrinista Léa Murawiec é mais uma das convidadas da CCXP23, o maior festival de cultura pop do mundo. Autora de “O Grande Vazio” (2021), ela estará presente no evento durante todos os dias no espaço da editora Comix Zone no Magic Market, responsável por editar, traduzir e adaptar a obra original do francês para o português brasileiro.


A história de Léa Murawiec 

Anúncios

Nascida na França em 1994, Léa Murawiec é quadrinista há uma década. Com formação em design gráfico e tipografia pela escola Estienne, ela também é editora e autora na editora independente Flûtiste, onde publica regularmente desde 2013, seus trabalhos em fanzines e revistas coletivas, como “Biscoto” e “Novland”.

Em 2021, lançou “O Grande Vazio”, obra que foi desenvolvida durante sua residência na ‘Cité de la Bande dessinée‘, em parceria com as instituições Magelis e EESI e lançada no Brasil pela Comix Zone no primeiro semestre de 2023. O título conquistou tanto o público quanto a crítica, sendo eleito a principal obra de 2021 pela redação da Actuabd, um site francês especializado em quadrinhos, e recebendo o Prêmio do Público France Télévisions no Festival de 2022.

 

Nome Igual, Vida Diferente: Uma Jornada Contra o Esquecimento 

Anúncios

Em “O Grande Vazio”, acompanhamos a vida de Manel Naher, uma jovem cuja existência se torna ameaçada ao descobrir uma homônima famosa, uma cantora de sucesso em um mundo onde a ‘presença’ é a chave para a sobrevivência. Ser lembrado, ter o nome falado e memorizado é essencial, enquanto o anonimato pode ser fatal. Pouco afeita à vida social, a protagonista trabalha em um centro que lê nomes de pessoas solitárias para mantê-las vivas, mas acaba sucumbindo à competição com sua homônima famosa, levando-a a uma perigosa busca pelo desconhecido ao lado de seu amigo Ali, em uma tentativa desesperada de escapar desse angustiante sistema.

Para Ivan Costa, co-fundador da CCXP e curador da programação de histórias em quadrinhos do festival, a presença de Léa no evento é motivo de comemoração para o evento e para os fãs. “Léa é um dos jovens e exponenciais talentos dos quadrinhos contemporâneos em escala global. Ter a autora na CCXP23 reforça o nosso compromisso com o público, com os novos artistas e principalmente com a qualidade da nossa curadoria em conjunto com diversos parceiros, sempre trazendo os melhores quadrinistas do mercado mundial até os fãs brasileiros.”, completa.

Para obter mais informações sobre a CCXP23 e conferir a lista completa de artistas e atividades, visite o site oficial Link.

Comentários estão fechados.

Esse site usa cookie para melhor sua experiência Aceitar