Jornalismo de tecnologia, independente e com credibilidade

Criador de PAYDAY 1 & 2 revela novo jogo co-op de heist com tema techno-thriller

10 Chambers  — estúdio sueco de desenvolvimento de jogos composto por veteranos da indústria conhecidos por PAYDAY: The Heist e PAYDAY 2 — revelou hoje seu novo heist cooperativo. Enquanto o estúdio já vinha dando dicas de que eles estavam “de volta nesse negócio de heist” há algum tempo – poucos detalhes ou até mesmo um nome foram compartilhados. Com um trailer de tirar o fôlego exibido no The Game Awards, o nome Den of Wolves foi revelado – com o diretor do jogo Ulf Andersson ao vivo no palco. 

ASSINE AGORA! Não saia sem garantir 30 dias GRÁTIS
A Bits & Geeks leva até você matérias completas e material exclusivo do mundo da tecnologia.

Close this popup

“Após ter trabalhado em jogos estilo heist no passado, e estes muito focados nos temas clássicos de roubo a bancos, agora o aspecto de ficção científica nos permitirá elevar o que um jogo de assalto pode ser”, diz Ulf Andersson, fundador e Game Director. “Você pode roubar tantos bancos! Den of Wolves terá uma gama bem mais ampla de assaltos – espionagem corporativa, sabotagem, assassinatos – de fato, o tema de sci-fi nos permite experimentar muitas coisas.” 

O jogo está em pré-produção há mais de dois anos, e muito tempo foi dedicado à construção do mundo e da narrativa que o cerca.

A Midway City é uma metrópole de inovação não regulamentada no Oceano Pacífico Norte – fundada por grandes corporações na esteira de uma IA de aprendizado profundo que se tornou uma ferramenta de hacking incontrolável, colapsando as economias globais e levando o dólar a uma queda livre. Com o mundo precisando desesperadamente de uma revolução no campo da segurança de redes, poderosas firmas de investimento apoiadas pela Big Pharma e pela indústria do petróleo desenvolveram um conceito completamente novo de transmissão e armazenamento de dados: sistemas biológicos baseados no cérebro humano, tão fundamentalmente diferentes da arquitetura de rede tradicional que eram completamente inacessíveis para a IA.

“O jogo não é de mundo aberto, mas ainda valorizamos enormemente a construção de mundo e a narrativa que criamos em torno da ilha é vasta. Queremos que a Midway City pareça um ambiente plausível do futuro próximo, onde o avanço do capitalismo se tornou desenfreado e as corporações ditam as regras”, diz Simon Viklund, co-fundador e Diretor de Narrativa e Áudio. “Como jogador, você reside nas áreas subterrâneas da cidade sem nenhuma identidade real ou documentos, construindo suas alianças para se tornar um empreendedor criminoso no mercado negro dos trabalhos temporários de Midway City.”

Embora o jogo seja lançado primeiro no PC, e no Steam como Acesso Antecipado, o game já está sendo projetado e desenvolvido para funcionar também em console. Ainda não há previsão de lançamento.

Comentários estão fechados.

Esse site usa cookie para melhor sua experiência Aceitar