Tecnologia | Games | Filmes & Séries | Geek

Festivais de música e fenômenos do cinema influenciam na altade 15% dos gastos com entretenimento no Brasil, no 3ºTRI

A Elo, uma das maiores empresas de tecnologias de pagamento do Brasil, apresenta mais uma versão de seu Relatório Elo Hábitos de Consumo, assinado pela Elo Performance & Insight, consultoria de dados da companhia. Confira abaixo os destaques do terceiro trimestre, comparação com o mesmo período de 2022.

The Town Brasil, Tardezinha, Oppenheimer e Barbie, o filme são alguns dos exemplos mais práticos do porquê as atividades de lazer presencial retomaram o protagonismo no Brasil, no terceiro trimestre, registrando alta de 15% nas transações e 9% nos valores gastos com cartão (crédito e débito). As compras à vista representam a maior parcela do consumo, 98% das transações com gasto médio entre R$ 58 e 97. Já as compras parceladas representam 2% das transações e 24% do valor, tendo um gasto médio por transação mais elevado R$ 870.

Anúncios

“A diversidade de opções na agenda de entretenimento que coincidiu com as férias escolares do meio de ano, a estreia de grandes festivais, e outros fatores mais intangíveis, devolveram o protagonismo das atividades presenciais de entretenimento na liderança de opções entre os brasileiros. Apesar do crescimento de 28% nas transações Digitais (comparado o 3º trimestre de 2023 vs 3º trimestre de 2022), a preferência pelo uso presencial segue consolidada, representando 85% das transações”, afirma Mirian Priosti, Diretora de Dados da companhia e líder da Consultoria Elo Performance Insights.

O Relatório Elo Hábitos de Consumo da Elo é feito a partir de análises detalhadas da imensa rede de dados de pagamentos da companhia, nos mais de 43 milhões de cartões ativos da marca e da média anual de mais de 4,5 bilhões de transações financeiras gerenciadas pela Elo em todas as regiões e estados do país.

Confira + destaques:
os gastos com atividades presenciais – portanto, lazer fora de casa e das telas – representaram 85% das transações e 71% do valor.

Anúncios

A prevalência do presencial segue consolidada, tendo registrado aumento no número de transações (+13%) e do valor transacionado (+11)

O parcelamento no cartão, para compras de maior valor, registrou transações
em média de R$ 870 > influência direta de eventos de música e grandes festivais.

No chamado consumo quantitativo, o setor de Recreação e Lazer ficou à frente de Comércio atacadista especializado; do varejo de alimentos, de serviços de transporte.

  • O relatório da Elo de Hábitos de Consumo da Elo abrange outras categorias-chaves para a Economia: Mobilidade, Gastos com Alimentação, Turismo, Moda e Cuidados Pessoais, entre outros. | Saiba mais.
Anúncios

A “disputa” entre Presencial x Digital
Dados do 3º trimestre de 2023 revelam que as compras digitais e o e-commerce apresentaram um crescimento de 8%, em número de transações, e de 15%, em valor transacionado (comparado com o mesmo período do ano anterior) – superando novamente os resultados do consumo presencial (+5% e +3%, respectivamente).

Comentários estão fechados.

Esse site usa cookie para melhor sua experiência Aceitar