Gladiador, nós o saudamos. Há 20 anos, longa de Ridley Scott ganhava o Oscar de Melhor Filme e Russel Crowe o de Melhor Ator

Assine nossa newsletter

O duelo entre Russell Crowe e Joaquin Phoenix, ou melhor Maximus e Comudus, ficou eternizado na memória dos espectadores de Gladiador, que há exatos 20 anos ganhava o Oscar de Melhor Filme das mãos do ator Michael Douglas. A cerimônia, que aconteceu no dia 25 de março de 2001, também consagrou Crowe com a estatueta de Melhor Ator; ele havia sido indicado um ano antes e, posteriormente, em 2002. Sucesso de crítica e detentor de uma das maiores bilheterias do ano, Gladiador pode ser assistido a qualquer hora no streaming do Telecine. Em janeiro de 2017*, o Telecine Action foi parar no pódio do ranking da tv paga durante uma exibição do filme que impactou quase 400 mil espectadores.

Assine nossa newsletter

O longa também levou os prêmios de Melhor Som, Melhores Efeitos Visuais e Melhor Figurino, Ridley Scott perdeu o Oscar de Melhor Direção para Steven Soderbergh por Traffic, mas levou o Globo de Ouro na mesma categoria. Foi a segunda nomeação do diretor, que concorreu em 1992 com Thema & Louise . A produção abriu as portas para uma nova onda de filmes históricos, o que levou Ridley Scott e Russell Crowe a repetirem a parceria 10 anos depois em Robin Hood . Em 2014, o cineasta britânico lançou Êxodo: Deuses E Reis com Christian Bale no papel de Moisés. No mesmo ano, Crowe interpretou o personagem título da adaptação de Darren Aronofsky da história de Noé .

Assine nossa newsletter

Comentários estão fechados.