Huawei Global Analyst Summit: empresa traz estratégias de negócios para o futuro da companhia

Assine nossa newsletter

A Huawei realizou a sua 18ª Conferência Global de Analistas em Shenzhen no dia de ontem (12). Estiveram presentes no local mais de 400 convidados, incluindo analistas financeiros e do setor, importantes formadores de opinião e representantes da mídia do mundo inteiro.

Eric Xu, presidente rotativo da Huawei, faz uma palestra na 18ª Conferência Global de Analistas

Eric Xu, presidente rotativo da Huawei, compartilhou o desempenho de negócios da empresa em 2020 e cinco iniciativas estratégicas para o futuro. De acordo com o presidente, a Huawei:

• Otimizará seu portfólio para aumentar a resiliência dos negócios. Como parte desses esforços, a Huawei fortalecerá seus recursos de software e investirá mais em negócios que dependam menos de técnicas avançadas de processo e em componentes para veículos inteligentes.

• Maximizará o valor do 5G e definirá o 5.5G com pares do setor para impulsionar a evolução da comunicação móvel.

• Proporcionará uma experiência inteligente, integrada e centrada no usuário em todas as situações.

• Inovará para reduzir o consumo de energia, contribuindo para um mundo com baixas emissões de carbono.

• Enfrentará desafios de continuidade de fornecimento.

“Para colocar o setor de volta nos trilhos, é essencial reconquistar a confiança e restabelecer a colaboração em toda a cadeia de suprimentos”, ressalta Eric Xu. “Daqui para frente, continuaremos a atuar um ambiente global complexo e volátil. O ressurgimento da COVID-19 e as incertezas geopolíticas trarão desafios constantes para todas as organizações, negócios e países. Acreditamos firmemente na capacidade que a tecnologia digital tem de apresentar soluções novas para os problemas que todos enfrentamos. Por isso, continuaremos inovando e promovendo a transformação digital com nossos clientes e parceiros para levar recursos digitais para todas as pessoas, lares e organizações, contribuindo para um mundo inteligente e totalmente conectado.”

William Xu, diretor do conselho e presidente do Instituto de Pesquisa Estratégica da Huawei, começou sua palestra com uma discussão sobre os desafios que afetarão o bem-estar social na próxima década, incluindo o envelhecimento da população e o consumo cada vez maior de energia. Em seguida, ele falou sobre a perspectiva da Huawei para o mundo inteligente de 2030, incluindo nove desafios de tecnologia, e propôs rumos para os esforços de pesquisa. São eles:

Assine nossa newsletter

• Definir o 5.5G para oferecer suporte para centenas de bilhões de tipos de conexões.

• Desenvolver a tecnologia óptica em nanoescala para possibilitar um aumento exponencial na capacidade da fibra

• Otimizar protocolos de rede para conectar tudo

• Fornecer capacidade de processamento avançada e preparada para apoiar o mundo inteligente

• Extrair conhecimento de conjuntos massivos de dados para promover avanços na IA industrial

• Ir além da arquitetura de von Neumann para possibilitar sistemas de armazenamento 100 vezes mais densos

• Aliar processamento e sensoriamento para permitir uma experiência multimodal de hiper-realidade

• Possibilitar que as pessoas gerenciem sua saúde mais proativamente por meio do automonitoramento contínuo de sinais vitais

• Desenvolver uma Internet da Energia inteligente para viabilizar a geração, o armazenamento e o consumo de eletricidade mais sustentável

William Xu continua: “Para a próxima década, esperamos que ocorram muitas melhorias na sociedade. Para promover esses esforços, queremos nos unir a indústrias, instituições acadêmicas, institutos de pesquisa e desenvolvedores de aplicativos para enfrentar os desafios universais para a humanidade. Com uma visão compartilhada, todos temos um papel a desempenhar conforme exploramos como tornar as conexões mais fortes, o processamento mais rápido e a energia mais sustentável. Juntos, vamos avançar rumo a um mundo inteligente em 2030.”

A primeira Conferência Global de Analistas ocorreu em 2004, e ocorreu anualmente desde então. A conferência deste ano, “Building a Fully Connected, Intelligent World” (Desenvolver um mundo inteligente e totalmente conectado), ocorre de 12 a 14 de abril, com diversas sessões nas quais especialistas do setor do mundo inteiro compartilham suas perspectivas únicas e discutem tendências para o futuro.

Assine nossa newsletter

Comentários estão fechados.