IBM Brasil registra 94 patentes em 2019

Assine nossa newsletter

Por 27 anos, ou mais de um quarto de século, a IBM é líder em patentes e tecnologias avançadas que buscam melhorar a maneira que as pessoas vivem e trabalham.

Os inventores da IBM receberam um recorde de 9.262 patentes nos EUA em 2019, alcançando um marco com o maior número de patentes já concedidas a uma empresa norte-americana e o 27º ano consecutivo de liderança em patentes nos EUA.

Em 2019, os inventores da IBM que são do Brasil receberam 74 das patentes registradas nos EUA.
Em 2019, os inventores da América Latina receberam 132 das patentes registradas nos EUA.

Em 2017, a IBM registrou 44 patentes nos EUA cujo o primeiro inventor é brasileiro.

Assine nossa newsletter

Em 2018, a IBM registrou 56 patentes nos EUA cujo o primeiro inventor é brasileiro.

A cultura de inovação da IBM estimula constantemente o desenvolvimento de tecnologias transformadoras que estão redefinindo setores como inteligência artificial, blockchain, nuvem, segurança, internet das coisas e computação quântica.

Como exemplo de patentes, a equipe de pesquisadores da IBM Brasil, formada por Marco Aurelio Stelmar Netto e Lucas Correia Villa Real, juntamente com os colegas de várias disciplinas, apresentou a descrição de um método para facilitar as previsões meteorológicas centradas na população. Por meio de análises avançadas, o sistema pode refinar automaticamente a área de maior atividade na região e fornecer uma previsão do tempo mais rápida e precisa.

Outra novidade é que a IBM ingressou na LOT Network, uma comunidade de empresas sem fins lucrativos que cria uma barreira protetora contra “sequestradores de patentes” ou entidades de afirmação de patente. A LOT Network é uma comunidade que trabalha para proteger os usos tradicionais de patentes, promover a inovação e combater ameaças ao sistema provenientes das Entidades de Asserção de Patentes (PAE). Essa decisão está alinhada com a aquisição histórica da Red Hat, membro fundador da LOT Network, e é outra prova de como os clientes e a comunidade de código aberto se beneficiarão da união entre a IBM e a Red Hat. Este é um grande passo no avanço da inovação, garantindo que nossas patentes não possam ser usadas como armas contra desenvolvedores de código aberto.

Assine nossa newsletter

Comentários estão fechados.