Lucas Veloso e Rafael Infante revelam os desafios da dublagem em bastidores de ‘O Parque dos Sonhos’

Assine nossa newsletter

Nas vozes da atrapalhada dupla de castores, Cooper e Gus, os atores Rafael Infante e Lucas Veloso revelaram alguns segredinhos do trabalho de dublagem na animação O PARQUE DOS SONHOS (WONDER PARK), que estreia hoje nos cinemas. “Eu nunca tinha feito nada relacionado à dublagem, mas pintou o convite, na área que eu gosto, que é cinema. É um desafio gigante porque a gente não conhece o filme, o roteiro, as falas e tem que encaixar com o que a boca do bichinho fala. Foi um desafio novo, que eu adorei fazer”, conta Lucas.

Assine nossa newsletter
  • Acho que a maior dificuldade é que primeiro que é um cenário completamente diferente, você está em estúdio, vendo a cena, mas você tem que entender aquele texto, ver ali a animação acontecendo, encaixar aquilo no timing que foi feito e decorar o texto, ler ao mesmo tempo, fazer 17 coisas ao mesmo tempo – revela Infante.
    Produzido por Josh Appelbaum, André Nemec e Kendra Haaland, o filme conta a história de um parque de diversões que ganha vida na maginação de June, de 12 anos. “A molecada escuta a minha voz em algum canto, atribui ao desenho, cria uma questão afetiva, entra na vida das pessoas, pra mim é uma honra. Um prazer mais meu do que do próprio filme”, completa Lucas.
Assine nossa newsletter

Comentários estão fechados.

Esse site usa cookie para melhor sua experiência Aceitar Leia mais

Nossa Política de Privacidade.