O primeiro Cinemark criado no Brasil foi em São José dos Campos. E já faz 20 anos

Assine nossa newsletter

Eu tentei puxar o mais fundo possível na memória a primeira vez que tive contato com o cinema e no que me veio a mente foi um filme dos Trapalhões “Atrapalhando a Suate” de 1983.
O leitor mais jovem talvez não terá memória do que é isso mas era um tempo em que os cinemas ficavam normalmente em praças em áreas centrais e os pipoqueiros ficavam numa pracinha vendendo pacotinhos de pipoca. Você se arrumava com a melhor roupa para ir ao cinema e era uma espécie de acontecimento. Lembro que a fila era interminável e os momentos que eu passava dentro da sala escura vendo Dedé, Didi, Mussum e Zacarias se estapearem eram mágicos.
Mas esse cinema da pracinha dos centros das cidades minguou até quase desaparecer e então os shoppings centers começaram a abrigar esse espaço do entretenimento. Há quem diga que houve uma elitização do cinema, mas também podemos dizer que democratizou com novas salas e modernas tecnologias. E que há ainda belos projetos que resgatam e popularizam a sétima arte nos lugares onde não há opção.

Salas Multiplex

As salas multiplex surgiram nos Estados Unidos e chegaram no Brasil em 1997 em São José dos Campos na primeira operação do Cinemark no País. Isso mesmo o primeiro Cinemark construído no Brasil e já com o conceito Multiplex começou no Vale do Paraíba e mais precisamente no Shopping Colinas. De acordo com o site Jota:

Em artigo publicado no European Cinema Journal nº 2, de 1999, a especialista Elisabetta Brunella destaca que são critérios para a definição do cinema como multiplex a presença de serviços auxiliares fornecidos no próprio estabelecimento, tais como lanchonetes (Snack Bars) e estacionamentos, e que o local seja projetado para receber várias salas de exibição.

Infelizmente o site da Associação Brasileira das Empresas Exibidoras Cinematográficas Operadoras de Multiplex (ABRAPLEX) estava fora do ar quando escrevi este texto.
Mas eu achei curioso o fato da primeira operação deste tipo ser realizada num shopping do interior e não da capital e quem me explicou mais sobre isso foi a a gerente de marketing da Rede Cinemark no Brasil, Maricy Leal e acredite que foi uma sorte do destino a sala ter vindo primeiro para cá.
Acontece que as obras joseenses foram mais rápidas que as demais e por conta disso tivemos o primeiro complexo inaugurado aqui. No mesmo ano foram inauguradas mais duas unidades na Capital São Paulo. E de acordo com o site da empresa que conta todo o histórico da companhia o filme da época era Titanic.

via GIPHY
“A Cinemark introduziu o conceito multiplex no cinema brasileiro em 1997, quando inaugurou seu primeiro complexo de cinema no Colinas Shopping, em São José dos Campos. A aceitação do novo conceito foi tão positiva que de 1 complexo passamos a ter 82 presentes em 45 municípios brasileiros, incluindo o Distrito Federal, depois de 20 anos.”, explicou a Maricy Leal nessa entrevista exclusiva para o meu Blog.
E como falamos de tecnologia neste Blog do Armindo eu pedi pra ela me contar um pouquinho como evoluímos nessa área desde a inauguração do primeiro complexo no Shopping Colinas até os dias de hoje.

Assine nossa newsletter

Quando a Rede chegou ao Brasil, os primeiros projetores eram analógicos, exibiam apenas películas de 35mm; atualmente, todos são digitais. O cinema digital traz para o espectador filmes de alta qualidade, extremamente realistas e que oferecem uma gama de até 35 trilhões de cores. Além de trazer o multiplex, a Cinemark foi precursora também do conceito de cinema em 3D e em XD – Extreme Digital, com a tela 40% maior que as convencionais e um som mais potente.

Comemoração dos 20 anos

E nessa semana rolou uma sessão especial de Mulher Maravilha para imprensa e convidados para comemorar os 20 anos de Cinemark no Brasil e no Colinas Shopping. E olha lá eu tendo um papo com a protagonista do filme me falando pra eu contar a história direitinho:

Tudo bem Diana to aqui me esforçando.
E claro que aproveitando a oportunidade eu não podia deixar de perguntar sobre a visão da rede Cinemark sobre o Vale do Paraíba e se teremos novidades vindo por aí. Mais uma vez com a palavra a Maricy Leal.

O público da região do Vale do Paraíba é muito assíduo e tem se mostrado apaixonado por cinema, e é por isso que temos trazido com frequência novos conteúdos especiais, como a partida da final da Champions League, filmes do Festival Varilux de Cinema Francês e o documentário “Sepultura Endurance” em junho. Além disso, oferecemos a tecnologia XD – Extreme Digital – em uma sala do Shopping Via Vale Taubaté.
A Rede Cinemark está em constante avaliação de novas oportunidades na região a fim de levar atendimento com qualidade e novas experiências para os espectadores.

Muito bem. Então se você mora no Vale do Paraíba já tem um motivo a mais para um papo de boteco ou de almanaque e dizer com orgulho que o primeiro complexo Cinemark foi construído aqui na região. E eu confesso que eu não tinha ideia.
Aproveito para agradecer à Alameda Comunicação pela lembrança e convite e por fazer parte dessa história, ao Colinas Shopping pela oportunidade de descobrir essa história fantástica e ao pessoal de comunicação do Cinemark que me ajudou nesse post. Adorei.
 

Assine nossa newsletter

Comentários estão fechados.

Esse site usa cookie para melhor sua experiência Aceitar Leia mais

Nossa Política de Privacidade.