Renner lança estampas de League Of Legends com realidade aumentada

A moda digital é uma tendência recente, que vem dando seus primeiros passos nas passarelas e na alta-costura. Mas para a maior varejista de moda do país, a Renner, a interação com esse universo já é realidade. Elevando a influência dos e-sports na moda a um novo patamar, a marca lança três camisetas com estampas interativas do jogo League of Legends (LOL), desenvolvido e publicado pela Riot Games (também criadora do VALORANT, outra febre dos games online). A colaboração foi desenvolvida em parceria com a LightFarm e viabilizada pelo Hub de Moda Digital e área de
Marketing da Renner, trazendo camisetas com cortes clássicos que estão disponíveis para compra no e-commerce e nas lojas físicas da marca.

A imersão pode ser ativada ao adquirir uma das camisetas (disponíveis nos tamanhos entre PP e GG, a partir de R$ 49,90), basta escanear o QR Code localizado em um adesivo nas peças. O código desbloqueará um dos três filtro de RA, que insere o público no universo do LOL de formas diferentes, de acordo com cada estampa assinada pelo time de arte da Riot Games: trazendo as características físicas das personagens Katarina e Annie, colocando o usuário em cenários do LOL ou recriando o mapa completo do game e o efeito recall (habilidade de teletransporte do jogo). A experiência também pode ser ativada pela seção de filtros do perfil da varejista no Instagram (@lojasrenner).

Coleção

“A ideia é entregar aos gamers algo único, fazendo eles sentirem que estão sendo levados diretamente para dentro do jogo. O lançamento reforça nossa jornada de inovação digital e nossa proximidade com este público”, diz a diretora de Marketing Corporativo da Lojas Renner, Maria Cristina Merçon. “Para a gente foi uma oportunidade muito boa porque
garante aos jogadores brasileiros a chance de encontrar produtos oficiais de LOL no país. A Renner entra no hall porque é uma das varejistas de moda mais relevantes do Brasil.
Escolhemos esses Campeões [como são chamados os personagens do jogo] pelo forte apelo que eles têm com nossa comunidade e também porque funcionam bem com esses primeiros experimentos com os filtros de realidade aumentada. Nossa prioridade é continuar trazendo experiências inovadoras para o jogador”, completa Priscila Queiroz, Head de Publishing da Riot Games no Brasil.


A nova coleção abraçou o uso da tecnologia para além da experiência de compra e da interatividade dos modelos lançados pela Renner. Todo o desenvolvimento das camisetas aconteceu de forma digital, poupando matéria-prima ao eliminar a necessidade de confecção de amostras, por exemplo. A própria divulgação das peças no e-commerce será feita com imagens 3D no lugar de fotos dos produtos físicos. Dessa forma, a ação harmoniza três pilares do modelo de negócio da Renner — inovação, digitalização e sustentabilidade.
Esses parâmetros ainda são refletidos pelo time responsável por testar uma série de experimentos relacionados à aplicação da Indústria 4.0 ao varejo, tendo como ponto de partida o universo gamer, trata-se do Hub de Moda Digital criado pela marca.
O “cérebro” das novidades
O Hub é um núcleo multidisciplinar formado no início deste ano. A função da área é pesquisar e incorporar o melhor da tecnologia 3D ao desenvolvimento de produtos e ações de relacionamento com os clientes mais conectados. “A moda digital possui um potencial enorme a ser explorado e estamos atentos a estas possibilidades. Nosso foco é pensar em projetos inovadores que começam no online, mas que têm uma conexão com o mundo físico, sempre com o objetivo de aprimorar o processo de criação de produtos e a experiência do consumidor, gerando encantamento”, conta a diretora de Estilo da Lojas Renner, Fernanda Feijó.


A primeira grande entrega aconteceu em junho. Batizada de Renner Play, a ação envolveu o lançamento de um mapa imersivo no Fortnite, da desenvolvedora Epic Games, reproduzindo uma loja física da Renner no universo do jogo. No espaço, foi possível acessar dez minigames de forma gratuita, além de percorrer diversos mapas já conhecidos pelos clientes.
O projeto de estreia incluiu a realização de um conjunto de transmissões ao vivo e simultâneas, com influenciadores interagindo com o público e promovendo ativações da varejista. O resultado foi o lançamento de uma camiseta exclusiva, escolhida em votação. Os usuários selecionaram uma entre três estampas disponíveis e a vencedora foi para
pré-venda imediatamente. Assim, os participantes puderam acessar um link via QR Code e fazer a encomenda do modelo.
Seguindo a premissa de sustentabilidade da Renner, todo o desenvolvimento destas camisetas se deu no ambiente digital, sem a necessidade de confecção de amostras nem composição de estoque. Quando já se sabia o modelo vencedor e o número de peças vendidas, a camiseta foi rapidamente estampada em uma máquina de impressão 3D
instalada no Centro de Distribuição da Renner, em Arujá (na região metropolitana de São Paulo).
Mesmo tendo marcado o pontapé inicial do Hub de Moda Digital da Renner, o mundo dos games é apenas um dos focos de sua atuação, uma vez que a marca vem aplicando a tecnologia 3D a outras frentes na área de produto. Outro exemplo do impacto do hub, é o desenvolvimento de coleções digitais usando o hiper-realismo tanto para estudo de fitting quanto para testar efeitos diversos de estamparia, como o alto relevo.

Comentários estão fechados.

Esse site usa cookie para melhor sua experiência Aceitar Leia mais

Nossa Política de Privacidade.