Rhesus & Memnon estarão em A Total War Saga: TROY no dia 14 de dezembro

O pacote de facção Rhesus & Memnon traz dois dos mais famosos heróis da Ilíada para os campos de batalha sangrentos de A Total War Saga: TROY – Reso, rei da Trácia; e Mêmnon, rei da Etiópia. Esses personagens formidáveis trazem consigo mecânicas de campanha exclusivas, heróis e unidades com técnicas devastadoras e dois contingentes completos, totalizando 49 tropas diferentes. 

Reso
Reso é um comandante intrépido e dedicado que veio das fartas florestas e vales da Trácia, lar de incontáveis tribos de guerreiros e imponentes deuses primordiais. As tropas dele são especializadas em confrontos antecipados e investidas decisivas. As unidades dele lutam predominantemente sem escudos. No entanto, podem fazer ótimas investidas, perfurar armaduras e esbanjam um exímio moral. 

Mecânicas de campanha:

  • Hoste Incontável: Reso precisa encontrar e unir as várias tribos trácias, presas em guerras internas, para uni-las sob um único estandarte. Isso permite invocar poderosas hostes para devastar a terra dos eternos inimigos. 

Rituais Trácios: Reso é abençoado com imensos poderes religiosos e pode usá-los para agradar os antigos cultos da Trácia. Isso concede vários tipos de bônus, como acesso a unidades de elite, reforços para povoados e benefícios de exército. 

Mêmnon
O rei-guerreiro Mêmnon é um primo distante dos príncipes Páris e Heitor. Ele lidera os poderosos exércitos multiculturais da Etiópia, um estado vassalo do Egito Faraônico. Diz-se que a perícia em batalha de Mêmnon é comparável à do corajoso Aquiles, e ele comanda guerreiros rápidos e com pouca armadura, mas que mesmo assim conseguem permanecer firmes em batalha. Cada cultura representada no exército fornece poderosas vantagens estratégicas.

Mecânicas de campanha: 

  • Horda: tudo o que Mêmnon deseja é devastar cada centímetro de Acaia. Portanto, a expedição militar dele não pode habitar povoados. Contudo, ela pode se aproveitar dos espólios de guerra para fortalecer ainda mais os esforços dele pela defesa de Troia. 
  • Servo do Faraó: Mêmnon depende da influência e riqueza do faraó para reforçar os exércitos com soldados de terras distantes. Ele precisa promulgar decretos reais para desbloquear unidades das quatro regiões: Etiópia, Egito, Canaã e Susa. 
  • Estrategista Engenhoso: Mêmnon não tem acesso a Espiões, Emissários ou Sacerdotisas em suas campanhas. Em vez disso, o prestígio dele atrai seguidores de acampamento que fortalecem os exércitos ou lhe concedem ações especiais antes da batalha. 

Comentários estão fechados.

Esse site usa cookie para melhor sua experiência AceitarLeia mais

Nossa Política de Privacidade.