Série Cinema #EmCasaComSesc estreia filmes premiados que destacam a potência das relações femininas e reforçam a presença da mulher no cinema

Assine nossa newsletter

Nesta quinta-feira, 24 de junho, a série Cinema #EmCasaComSesc recebe em seu catálogo três longas-metragens da Europa Central e Oriente Médio, atemporais e premiados, que exploram a temática das relações femininas e destacam a presença das mulheres na direção de cinema. Com curadoria do CineSesc, os filmes ficam disponíveis por 30 dias, na plataforma Sesc Digital.

Eleito um dos dez melhores filmes do ano, pela revista Cahiers du Cinéma, em 1967, o clássico tcheco “As Pequenas Margaridas”, de Vera Chytilová, traz a história de duas adolescentes que, no embalo de um planeta todo corrompido, decidem se aventurar ladeira abaixo. O longa é uma comédia dramática considerada um marco do “cinema novo tcheco”. A produção turca “O Conto das Três Irmãs”, de Emin Alper, indicada ao Urso de Ouro de Melhor Filme e ao Urso de Prata de Melhor Atriz, no Festival de Berlim de 2019, e vencedora do Festival Internacional de Cinema de Istambul, apresenta o drama de três irmãs que são enviadas para famílias ricas como filhas adotivas e empregadas domésticas, mas são obrigadas a voltar para a casa do pai depois de alguns problemas. Já o libanês “Caramelo”, da diretora e atriz Nadine Labaki, narra a relação de cinco mulheres que se encontram toda semana em um salão  de beleza e criam, juntas, um microuniverso onde podem falar sobre tudo: homens, sexo, maternidade. O filme foi indicado à Câmera de Ouro do Festival de Cannes.

Além dos filmes, a programação do CineSesc traz, nesta quarta-feira, dia 23, às 20h, o encontro “Bob Dylan: Música e Poesia”, no canal do CineSesc no YouTube. A apresentadora Sarah Oliveira, o crítico de música Marcelo Costa e o cronista e poeta Fabrício Corsaletti conversam sobre a personalidade artística e o encanto persistente do primeiro músico pop a receber um prêmio Nobel de literatura. O encontro integra a programação do 13º IN-EDIT BRASIL – Festival Internacional do Documentário Musical, que acontece de 16 a 27 de junho, com mais de 50 filmes nacionais e internacionais inéditos no circuito comercial.

Nesta quinta-feira, dia 24, a partir das 14h, o CineSesc abre inscrições para o curso online e gratuito, “Narrativas Documentais”, com o cineasta Cristiano Burlan. As aulas, que acontecem entre os dias 29 de junho e 1º de julho, às 20h, mergulham em temas como violência policial, feminicídio e questões de classe, a partir da Trilogia do Luto, de Burlan, composta pelos documentários: “Elegia de um crime”, “Mataram meu irmão” e “Construção”. Nas aulas, o cineasta compartilha seu processo criativo e provoca a reflexão sobre os meios e métodos de produção e realização de cinema documental no Brasil – que além de diversos temas possíveis, também encara a falta de recursos e apoio às produções nacionais. Para se inscrever, acesse inscricoes.sescsp.org.br.

CINESESC DIGITAL – PROGRAMAÇÃO DA SEMANA
### CINEMA #EMCASACOMSESC ###

sescsp.org.br/cinemaemcasa

ESTREIA 24/6

AS PEQUENAS MARGARIDAS
Dir.: Vera Chytilová | Tchecoslováquia | 1966 | 73 min | Ficção | 14 anos

Como o mundo está corrompido, duas adolescentes, ambas chamadas Marie, decidem embarcar em uma série de brincadeiras destrutivas nas quais consomem e destroem o que está ao redor delas. O filme foi eleito como um dos 10 Melhores Filmes do Ano, pela revista Cahiers du Cinéma, em 1967, e venceu o Grande Prêmio da Associação de Críticos de Cinema da Bélgica.

IMAGENS 

O CONTO DAS TRÊS IRMÃS
Dir.: Emin Alper | Turquia, Alemanha, Holanda, Grécia | 2019 | 108 min | Ficção | 14 anos

Anatólia Central, Turquia. As três irmãs Reyhan, Nurhan e Havva, que foram enviadas para famílias ricas da cidade como “ beslemes” (filha adotiva e empregada doméstica), na esperança de melhorar suas vidas, são obrigadas a voltar para a casa de seu pai, em uma antiga aldeia nas montanhas, por diferentes motivos. Elas desejam retornar para a cidade o mais rápido possível, mas para isso ser alcançado, dependerá das táticas de solidariedade, competição e das decisões dos homens em volta delas. As três buscam se apoiar, enquanto sonham com uma vida melhor. Indicado ao Urso de Ouro de Melhor Filme e ao Urso de Prata de Melhor Atriz, no Festival de Berlim, e vencedor do Festival Internacional de Cinema de Istambul.

IMAGENS 

CARAMELO
Dir.: Nadine Labaki | França, Líbano | 2007 | 95 min | Ficção | 10 anos

Em Beirute, cinco mulheres se encontram regularmente num salão de beleza, um microcosmo colorido e sensual da cidade, onde várias gerações entram em contato, conversam e trocam confidências. Layale ama Rabih, mas ele é casado. Nisrine é muçulmana e seu futuro casamento representa um problema: ela não é mais virgem. Rima se atormenta com a atração que sente por mulheres e em especial por uma gentil cliente de cabelos compridos. Jamale se recusa a envelhecer. Rose sacrificou sua vida para cuidar da irmã mais velha. No salão, suas conversas íntimas e francas versam sobre homens, sexo e maternidade, entre cortes de cabelo e depilação com uma pasta caramelada. Indicado à Câmera de Ouro do Festival de Cannes.

Assine nossa newsletter

IMAGENS  

### DEBATE ONLINE ###
youtube.com/cinesesc

ESTREIA 23/6 – 20H

BOB DYLAN: MÚSICA E POESIA
23/06, Quarta-feira, 20h. GRÁTIS | YouTube CineSesc

A apresentadora e jornalista Sarah Oliveira, o crítico de música Marcelo Costa e o cronista e poeta Fabrício  Corsaletti, três entusiastas da obra de Dylan, conversam sobre a personalidade artística e o encanto persistente do primeiro músico pop a receber um Nobel de literatura. O encontro integra a programação do 13º IN-EDIT BRASIL – Festival Internacional do Documentário Musical, que acontece de 16 a 27 de junho, com mais de 50 filmes nacionais e internacionais inéditos no circuito comercial. O evento é uma realização conjunta de In Brasil Cultural, Sesc São Paulo e do Ministério do Turismo, Governo Federal. Mais informações em br.in-edit.org.

IMAGENS:  

### CURSO ONLINE ###
inscricoes.sescsp.org.br 

INSCRIÇÕES 24/6

NARRATIVAS DOCUMENTAIS
De 29/6 a 1/7, segunda a quinta, às 20h. Grátis.
Inscrições a partir de 24/6, às 14h, pelo site inscricoes.sescsp.org.br


O cineasta Cristiano Burlan mergulha em temas como violência policial, feminicídio e questões de classe com a realização de sua Trilogia do Luto, composta pelos documentários “Elegia de um crime”, “Mataram meu irmão” e “Construção”. A partir do compartilhamento de seus processos criativos também nos documentários “Estopô Balaio”, “No se mira impunemente”, “Nelson Felix, método poético para descontrole de localidade”, “Sermão dos Peixes” e “Imaginário”, o diretor propõem uma reflexão sobre os meios e modos de produção e realização do documentário no Brasil, buscando compreender se existe uma distinção entre documentário e ficção. Existe uma situação ideal para se criar? Através da perspectiva da direção e produção independentes, o curso busca refletir sobre a atual produção documental brasileira. Documentários baratos, urgentes, pessoais e sem apoios institucionais, que nos remetem a um momento potente do cinema latino-americano, em que a falta de recursos estava diretamente ligada a sua estética, o que não significava a realização de filmes menores.

Conteúdo programático:
Dia 1: Introdução à história do documentário
Dia 2: A linha tênue entre ficção e documentário: dispositivos e estruturas de abordagem
Dia 3: Da ideia à construção narrativa: Trilogia do Luto
Dia 4: Da produção à distribuição

Série Cinema #EmCasaComSesc

Desde o início de junho, o CineSesc realiza a série Cinema #EmCasaComSesc, na plataforma Sesc Digital (sescsp.org.br/cinemaemcasa). A iniciativa de oferecer gratuitamente filmes em streaming reforça os aspectos que ancoram a ação institucional do Sesc São Paulo, garantindo o acesso a conteúdos da cultura a variados públicos. Com maior presença no ambiente online, o Sesc amplia sua ação de difusão cultural, de maneira acessível e permanente. O público ganha assim mais um espaço para contemplar, descobrir e redescobrir o cinema, a partir de grandes obras selecionadas, disponibilizadas online e gratuitamente.

Os filmes ficam disponíveis por um período determinado, com alterações e novas estreias semanais a cada quinta-feira. Há ainda possibilidade de prorrogação da exibição, conforme a demanda do público, além de sessões especiais por períodos menores (como 24h, por exemplo). A curadoria do Cinema #EmCasaComSesc conta com a experiência do CineSesc, que segue fechado desde o mês de março, por conta da crise causada pelo novo coronavírus.

Assine nossa newsletter

Comentários estão fechados.

Esse site usa cookie para melhor sua experiência Aceitar Leia mais

Nossa Política de Privacidade.