Workshop debate estereótipos femininos e masculinos na publicidade

Assine nossa newsletter

Nos dias 15, 16 e 17 de setembro, a Atena Haus realiza em São Paulo o curso “Gênero na Propaganda”, organizado pelas especialistas em comunicação e gênero Ana Paula Passarelli e Anna Castanha, fundadora da Idem Consultoria. As inscrições podem ser feitas pelo site http://atenahaus.com.br/curso-genero-na-propaganda.
“Existe uma demanda crescente de mais representatividade e visibilidade entre as mulheres e o público LGBT, que hoje não se sentem representados pela comunicação das marcas”, diz Anna. “Atender a essa necessidade e aprender a se comunicar melhor com esse público não só evita atritos entre empresas e consumidores, mas também aumenta as oportunidades de negócios”, completa.
“Por meio de movimentos na internet e de reclamações ao Conar, Conselho que regulamenta a publicidade no Brasil, temos visto que estereótipos de gênero são cada vez menos tolerados por mulheres e homens. Muitas marcas vêm enfrentando críticas do público por adotarem formas de comunicação sexistas ultrapassadas e cada vez mais empresas percebem a necessidade de atualizar a forma de olharem para a sociedade e de se comunicarem com seus consumidores. Quanto mais as marcas insistirem no uso de sexismo na comunicação, mas críticas receberão. Esse tipo de abordagem não é mais tolerada”, afirma Ana Paula.
Momentos de transformação costumam ser turbulentos e cheios de erros e acertos. “Nosso objetivo com esse workshop é facilitar esse caminho e ajudar estudantes, profissionais de comunicação, publicidade, propaganda e gestores de empresas a entenderem melhor as dinâmicas de gênero contemporâneas e a forma como elas se refletem na mídia”, afirma Natalia Fava, co-fundadora da Atena Haus.
O workshop contará também com as profissionais convidadas Stéphanie Ribeiro, Maria Guimarães e Suélen Mariano, que vão realizar exercícios práticos e apresentar estudos de caso de empresas que vêm tendo bons resultados em ações pontuais e na reestruturação da forma como se comunicam com o público. “Vamos mostrar o que pode melhorar e o que já está sendo feito com sucesso. A partir disso, os participantes poderão desenvolver um olhar mais abrangente, desconstruindo preconceitos inconscientes e melhorando a forma de representação de gênero em suas áreas de atuação”, finaliza Vivian Vianna, co-fundadora da Atena Haus.
Serviço
Inscrições pelo site; http://atenahaus.com.br/curso-genero-na-propaganda
Quando
15 de setembro, quinta-feira, das 19h30 às 22h
16 de setembro, sexta-feira, das 19h30 às 22h
17 de setembro, sábado das, 9h30 às 17h
Onde
LAB 48 (ao lado do Metrô Paraíso)
Rua Cubatão, 97 – Paraíso
São Paulo – SP
Programa
– Os quatro eixos da sexualidade humana;
– Genderqueer e as novas identidades de gênero;
– O papel do Feminismo na discussão de gênero;
– Pesquisa sobre identidade e expressões de gênero na publicidade;
– The Pink Tax – produtos iguais, preços diferentes;
– Femvertising e Femwashing na publicidade;
– Como desconstruir os estereótipos femininos e masculinos na publicidade;
– O promissor mercado LBGT e as novas identidades de gênero no consumo;
– Aplicação das novas identidades de gênero na publicidade;
– Exposição de Cases.
– Exposição do case Estadão + Shazam: “Músicas de Violência” com Suélen Mariano.
– Exercícios de empatia e representatividade focados em comunicação de marca.
Quem pode participar
Estudantes, profissionais da área de comunicação, conteúdo, publicidade e propaganda, marketing e representantes de empresas interessadas em debater e conhecer melhor as demandas de mudança das relações de gênero na área.
Sobre as professoras
Ana Paula Passarelli: Ana é Mestranda em Comunicação e Semiótica pela PUC­-SP onde estuda “Expressões de Gênero na Publicidade e na Moda”, professora do Centro de Inovação e Criatividade da ESPM-­SP e co­criadora da iniciativa “Convide uma Mulher para Palestrar”, que quer estimular a presença de mulheres nos palcos dos eventos de marketing, publicidade e tecnologia.
Anna Castanha: Anna Castanha é Proprietária da Iden Consultoria de Marketing LGBT, com experiência em criação e novos negócios, tem passagem por várias agências, entre elas MultiSolution, Salve (Grupo ABC) e Mullen Lowe Brasil. Trabalhou com clientes de diversos segmentos, entre eles Natura, Ajinomoto, Hypermarcas, CAIXA, Grupo 3 Corações, Aché e Cacau Show. Pesquisa o marketing focado no público LGBT desde 2011 e ministra aulas sobre o tema desde 2012 por meio do curso Marketing Fora do Armário, único no Brasil.
Maria Guimarães: Maria Guimarães é publicitária e há 7 anos atua em SP. Já criou para marcas como Samsung, Unilever, Coca-Cola e Itaú e, desde o ano passado, se juntou a Thaís Fabris e Larissa Vaz na 65/10: uma consultoria de comunicação com mulheres que visa mudar o papel da mulher na publicidade para acompanhar os novos papéis das mulheres na sociedade. Com a 65/10 criaram projetos como a Cerveja Feminista, o report a Revolução Delas e atendem clientes como Itaú, Nestlé e grupo ABC.
Stephanie Ribeiro: Stephanie é arquiteta, escritora e feminista negra que escreve, palestra e acredita através da arte, política, cultura entre outros no papel fundamental do ativismo negro interseccional e temas adjacente a experiência da mulher negra no mundo. Já teve textos seus postados em diversos portais entre eles o Huffington Post. É co fundadora do projeto fronta e em 2015, recebeu da Assembleia Legislativa de São Paulo a Medalha Theodosina Ribeiro, que homenageou seu ativismo em prol das mulheres negras.
Suélen Mariano Dias: Suélen é Formada em Propaganda e Marketing, tem 09 anos de experiência na área e seu foco são projetos integrados. Já trabalhou com clientes como: Coca-Cola, Microsoft, Google, Nestlé, Unilever e Mondelez. Atualmente é gerente de projetos na FCB Brasil e participou do projeto “Músicas de violência”, lançado pelo Estadão em parceria com o Disque Denuncia (RJ), para levantar o debate sobre músicas que reproduzem discursos de violência contra a mulher. No festival de Cannes deste ano o projeto levou 1 ouro, 2 pratas e 2 bronzes, além do shortlist nas categorias “Glass” e “Creative Data”.
Sobre A Atena Haus:
A Atena Haus é uma plataforma de educação a distância com cursos e entrevistas feitas por e para mulheres. Nossa ideia é dar visibilidade e voz às mulheres que são referência em suas áreas de atuação e também criar modelos de sucesso alcançáveis para mulheres que querem aprofundar o conhecimento nas suas áreas ou que estão querendo tirar uma nova ideia do papel.

Assine nossa newsletter

Comentários estão fechados.