Jornalismo de tecnologia, independente e com credibilidade

Johnson & Johnson MedTech trabalha com a NVIDIA para ampliar o alcance da IA em cirurgias

A IA – já utilizada para conectar, analisar e oferecer previsões baseadas em dados da sala de cirurgia – será fundamental para o futuro das cirurgias, melhorando a eficiência e a tomada de decisões clínicas. É por isso que a NVIDIA está trabalhando com a Johnson & Johnson MedTech para testar novos recursos de IA para o ecossistema digital conectado da empresa para cirurgias.
O objetivo é permitir a inovação aberta e acelerar a entrega de insights em tempo real em escala para apoiar os profissionais da área da saúde antes, durante e depois dos procedimentos.
A J&J MedTech está presente em 80% das salas de cirurgia do mundo e treina mais de 140 mil profissionais de saúde todos os anos por meio de seus programas educacionais.
Buscando unir seu legado e seu ecossistema digital em cirurgias com as principais soluções de IA da NVIDIA – incluindo a plataforma de computação na borda NVIDIA IGX e a plataforma de IA na borda NVIDIA Holoscan para construção de dispositivos médicos – a J&J MedTech pode acelerar a infraestrutura necessária para implantar aplicações de software alimentadas por IA para cirurgias. IGX e Holoscan podem oferecer suporte ao processamento seguro e em tempo real de dispositivos na sala de cirurgia para fornecerem insights clínicos e melhorarem os resultados cirúrgicos.
Apresentado no NVIDIA GTC, esse trabalho também pode facilitar a implantação de modelos e aplicações de terceiros desenvolvidos em todo o ecossistema de cirurgia digital, fornecendo uma plataforma de computação de IA em comum.
“Atualmente, modelos de IA estão sendo criados por especialistas em cirurgia em várias partes do mundo”, diz Shan Jegatheeswaran, vice-presidente e chefe global de digital da J&J MedTech. “Se conseguirmos criar um ecossistema aberto e confiável que possibilite e acelere a coordenação, isso criaria um condutor de inovação em que diferentes grupos poderiam colaborar e se conectar em escala, melhorando o acesso a análises avançadas em toda a experiência cirúrgica.”
Um ecossistema aberto para inovação em IA: baseando-se em NVIDIA Holoscan e IGX
A J&J MedTech está trabalhando com a NVIDIA para testar como os recursos de IA de ponta de nível industrial, desenvolvidos especificamente para ambientes médicos, podem beneficiar as cirurgias.
“Nosso ecossistema digital conectado ajudará a romper as barreiras tradicionais de entrada para desenvolvedores que buscam construir aplicações e implantar análises na sala de cirurgia”, disse Jegatheeswaran. “Estamos tornando tudo mais simples para aqueles que desejam participar do fluxo de trabalho cirúrgico, eliminando o trabalho pesado de construir uma plataforma segura e de nível empresarial.”
O sistema NVIDIA Holoscan acelera o desenvolvimento e a implantação de aplicações de IA em tempo real para processar fluxos de dados.
O Holoscan inclui pipelines de referência para construir aplicações de IA para uma variedade de casos de uso médico, incluindo endoscopia, ultrassom e outros sensores. Ele é executado em NVIDIA IGX, que inclui módulos NVIDIA Jetson Orin, GPUs NVIDIA RTX A6000 e tecnologia de rede NVIDIA ConnectX para permitir a transmissão de dados em alta velocidade de dispositivos médicos ou feeds de vídeo de salas de cirurgia.
A NVIDIA oferece suporte à pilha de software IGX com NVIDIA AI Enterprise, o sistema operacional empresarial para IA de nível de produção.
Alimentando a IA cirúrgica com dados de dispositivos
A equipe da J&J MedTech prevê o potencial da análise de borda acelerada pela NVIDIA por trás de seu ecossistema digital conectado como um facilitador de aplicações alimentadas por IA e abastecidas por dados de dispositivos, pacientes e outros dados cirúrgicos.
Os desenvolvedores podem aproveitar o aprendizado contínuo, em que um algoritmo realiza melhorias com base nos dados coletados pelo dispositivo implantado. Imagens do mundo real coletadas por um endoscópio, por exemplo, poderiam ser usadas para refinar um modelo de IA que identifica órgãos, tecidos e possíveis tumores em tempo real, em uma tela de sala de cirurgia, para apoiar a tomada de decisões clínicas.
“As tecnologias cirúrgicas ficarão mais inteligentes com o tempo, trazendo o poder da análise avançada para cirurgiões e hospitais”, diz Jegatheeswaran. “Uma coleção de modelos de IA poderia funcionar como uma tecnologia de assistência ao motorista, mas para cirurgiões, ampliando sua capacidade de prestar cuidados e reduzindo a carga cognitiva.”
Um exemplo é a IA que remove informações pessoalmente identificáveis de vídeos cirúrgicos para que possam ser utilizadas posteriormente para fins de investigação – ou, quando processadas em tempo real, permitir que os hospitais acessem especialistas externos por meio de telepresença para consulta durante uma cirurgia, sem violar a privacidade do paciente.
Aplicações futuras poderão permitir que os cirurgiões interajam com chatbots para obterem informações sobre o histórico médico de um paciente ou as melhores práticas para lidarem com certas complicações. Outros modelos podem melhorar a eficiência da sala de cirurgia usando feeds de vídeo para entender quando um procedimento está quase concluído, alertando a próxima equipe cirúrgica de que uma sala estará disponível em breve.
“A parceria entre a J&J MedTech e a NVIDIA reflete o reconhecimento crescente da importância da inteligência artificial na área da saúde. Ao unir recursos de IA de ponta de nível industrial, especialmente desenvolvidos para ambientes médicos, a colaboração busca revolucionar o campo das cirurgias. A IA oferece um potencial sem precedentes para melhorar a precisão, eficiência e segurança dos procedimentos cirúrgicos”, complementa Marcio Aguiar, diretor da divisão Enterprise da NVIDIA para América Latina.

Comentários estão fechados.

Esse site usa cookie para melhor sua experiência Aceitar