Tecnologia | Games | Filmes & Séries | Geek
Banner KTO

Neo4j celebra novo padrão internacional GQL: um marco importante para a indústria de banco de dados

A Neo4jⓇ, líder mundial em Banco de Dados Grafos e Analytics, está comemorando a publicação do novo padrão internacional ISO e IEC para linguagem de consulta gráfica (GQL), que define as estruturas de dados e operações básicas para trabalhar com grafos de propriedades. O novo padrão GQL segue a colaboração da Neo4j com outros membros do comitê ISO e reconhece a demanda dos clientes por uma linguagem de grafos padrão. Este marco representa o amadurecimento do mercado de bancos de dados grafos como um todo e é um momento decisivo na história da inovação em bancos de dados.

O comitê ISO responsável por GQL e SQL é composto por fornecedores, pesquisadores e profissionais de padronização de todo o mundo, incluindo a Neo4j. O padrão GQL é concebido como um irmão ISO do SQL e é próximo do Cypher, muitas vezes considerado a linguagem de grafos de fato. O padrão consiste em mais de 600 páginas de definições formais, faz referência a mais de 400 artigos e é comparável em tamanho e escopo ao padrão SQL-92. SQL tornou-se a linguagem dominante para acessar bancos de dados relacionais, alcançando adoção em massa em todo o mundo e acelerando drasticamente o crescimento do mercado de bancos de dados relacionais. Espera-se agora que o GQL tenha um impacto semelhante.

Anúncios

Philip Rathle, diretor de tecnologia da Neo4j, diz: “À medida que nosso mundo se torna cada vez mais conectado, nossos dados também ficam. O melhor mecanismo para operar em um mundo conectado é um banco de dados grafos. Da mesma forma, para analisar e compreender a dinâmica dos negócios e o papel preditivo que as conexões podem desempenhar. Os grafos estão impulsionando a transformação digital, a análise e a GenAI. Com os grafos de conhecimento como uma das tendências de alto impacto da Gen AI trends, o momento do ISO para um padrão de linguagem de consulta de grafos não poderia ser mais perfeito!”.

“A indústria depende de padrões abertos e de código aberto para permitir a interoperabilidade – que permite que diversos sistemas conversem entre si e compartilhem informações em tempo real – de plataformas e ferramentas, bem como a escolha do desenvolvedor e da organização. No entanto, o movimento de IA generativa geralmente optou por minimizar o valor desses blocos de construção”, explicou James Governor, analista principal e cofundador da RedMonk. “Dada a ascensão de modelos e plataformas fechadas, é bom ver algumas camadas da IA e da pilha de dados sendo padronizadas. A padronização ISO da Graph Query Language (GCL) garante que a manipulação de gráficos de propriedades permanecerá aberta como um padrão de jure, semelhante a SQL”.

Tony Holland, líder de comunicações do Comitê Técnico Conjunto ISO/IEC 1/AG 1, revela: “Estes são tempos emocionantes para linguagens de consulta, para desenvolvimento de padrões, para o Comitê Técnico Conjunto e para os especialistas que trabalharam para desenvolver este novo padrão. Ele marca um novo capítulo na história das linguagens de consulta, revolucionando a forma como interagimos e aproveitamos o poder dos dados interconectados. Representa um avanço significativo na consulta e manipulação de dados, oferecendo uma linguagem unificada e expressiva para navegar em estruturas de grafos complexas. Com uma estrutura padronizada para consultar bancos de dados grafos, o GQL quebra barreiras à interoperabilidade de dados e capacita desenvolvedores, pesquisadores e empresas a desbloquear novos insights, descobrir conexões ocultas e criar inovações”.

Anúncios

O ISO investiu mais de cinco anos de trabalho nesta norma, com a Neo4j envolvida desde o início por meio de membros do comitê e consultores técnicos. Para saber mais sobre o padrão GQL ISO, acesse:
• ISO GQL: A Defining Moment in the History of Database Innovation
• ISO/ IEC Information Technology Database Languages- GQL
• ISO-IEC Joint Technical Committee
• openCypher
• GQL Standard Community
Sobre a Neo4j
Neo4j, líder em Banco de Dados Grafos & Analytics, ajuda organizações a encontrar relações e padrões ocultos em bilhões de conexões de dados de forma profunda, fácil e rápida. Os clientes aproveitam a estrutura de seus dados conectados para descobrir novas maneiras de resolver seus problemas de negócios mais urgentes, como detecção de fraudes, visão 360 do cliente, knowledge graphs (grafos de conhecimento), cadeia de suprimentos, personalização, IoT, gerenciamento de redes e muito mais – mesmo à medida que seus dados crescem. A full-stack completa da Neo4j oferece armazenamento de grafos nativos poderosos com capacidade de busca vetorial nativa, ciência de dados, análises avançadas e visualização, com controles de segurança de nível empresarial, arquitetura escalável e conformidade ACID. A Neo4j se orgulha de sua dinâmica comunidade de código aberto, reunindo mais de 250.000 desenvolvedores, cientistas de dados e arquitetos em centenas de empresas Fortune 500, agências governamentais e ONGs. Visite neo4j܂com e siga-nos no Linkedin Neo4j Brasil.

Comentários estão fechados.

Esse site usa cookie para melhor sua experiência Aceitar