Jornalismo de tecnologia, independente e com credibilidade

Pesquisa inédita da Vindi e Opinion Box mapeia as evoluções no mercado de assinaturas brasileiro

A Vindi, pioneira em soluções de pagamento recorrente no  Brasil e pertencente ao ecossistema LWSA, lança a segunda edição da Pesquisa de Assinaturas. Realizada em parceria exclusiva com a Opinion Box, a pesquisa fornece insights sobre o mercado de recorrência no país e traz dados atualizados para compreender o mercado  de consumo dos próximos anos.

Entre os principais destaques, 51% dos participantes afirmaram que suas despesas com assinaturas permaneceram inalteradas nos últimos 12 meses, desafiando as adversidades econômicas apresentadas por um cenário no qual a inadimplência atingiu patamares alarmantes – que, segundo a CNDL atingia mais de 66 milhões de pessoas em dezembro.

Anúncios

De olho nas tendências a curto prazo, a pesquisa sinaliza que 61% dos entrevistados antecipam manter seus gastos com assinaturas inalterados nos próximos 12 meses. “ Esses dados são relevantes pois mostram uma tendência que reflete uma expectativa de estabilidade financeira contínua, além de reforçar a firme intenção de manter padrões de consumo, indicando uma resiliência notável no cenário atual do mercado de assinaturas”, explica, Thais Luciani, Diretora de Marketing da Vindi. 

Streamings de vídeo lideram a preferência dos consumidores

Entre os serviços recorrentes, os streamings de vídeo surgem como a principal âncora, contando com a assinatura de 81% dos consumidores de serviços digitais, seja de forma independente ou em combinação com outros serviços. Entre as plataformas, Netflix e HBO Max lideram as preferências de quase 25% dos assinantes.

Anúncios

Com a temática do “compartilhamento de senhas” ganhando destaque no último ano, tornando-se uma verdadeira arena para os serviços de streaming em sua busca por conter a prática dos usuários de compartilhar senhas, a pesquisa também se aprofundou nesse tema. Ao entrevistar os consumidores, indagando sobre com quem eles compartilham as senhas de seus serviços de streaming, a pesquisa  trouxe respostas que revelaram que 51% dos compartilhamentos foram direcionados à família, 40% para namorados ou cônjuges e 16% para amigos.

“A edição da Pesquisa de Assinaturas, realizada entre 2020 e 2021, foi a primeira relacionada ao segmento no país e proporcionou uma compreensão única do mercado de recorrência no Brasil. Ao decorrer dos anos, acompanhamos muitas transformações no comportamento do consumidor e foi pensando nisso que a Vindi decidiu lançar uma nova edição reformulada e atualizada do estudo.” comenta, Thais Luciani. 

Com rigor metodológico e estatístico consistentes, a nova edição da pesquisa tem como foco primordial entender as transformações nos hábitos dos consumidores no período pós-pandêmico, além de realizar uma análise do comportamento atual em relação às assinaturas. O estudo oferece uma perspectiva direta dos consumidores, tornando-se um guia valioso para orientar estratégias de negócios em ambos os setores, B2C e B2B,  ao fornecer um diagnóstico sobre o comportamento dos consumidores em relação às assinaturas, tanto no presente como tendências para o futuro.

Anúncios

Para além desses insights, a Pesquisa de Assinaturas da Vindi apresenta informações abrangentes, incluindo o valor médio que os brasileiros despendem por mês em assinaturas, os métodos de pagamento mais preferidos, os principais segmentos e serviços assinados, entre outros dados relevantes para entender o cenário do consumo no país.

Comentários estão fechados.

Esse site usa cookie para melhor sua experiência Aceitar