SMARTPHONE É UM ALIADO NA VOLTA ÀS AULAS

Assine nossa newsletter

As funcionalidades dos smartphones eram vistas, até pouco tempo, como algo apenas para entreter. Porém, os aparelhos foram ficando cada vez mais sofisticados e hoje podem ser um complemento aos estudos, especialmente para alunos de ensino médio e universitários. Entretanto, é preciso saber escolher bem o aparelho para poder usufruir dos benefícios e tornar a rotina mais produtiva.
“Para os jovens que estão começando o ano letivo e desejam comprar um smartphone é fundamental optar por um aparelho com uma boa capacidade de armazenamento para guardar e-books ou baixar aplicativos para estudo, por exemplo”, destaca Vinícius Grein, head of Products da marca Quantum. Entre os aplicativos indicados estão o Agenda de Estudante, que ajuda a organizar as tarefas escolares, o Genius Scan para digitalizar documentos usando a câmera do smartphone e o Dropbox ou o Google Drive, que armazenam arquivos na nuvem.
A câmera que produz imagens e vídeos de qualidade é outra prioridade para registrar atividades para consulta posterior ou desenvolver trabalhos acadêmicos. “O Quantum GO, por exemplo, conta com modos especiais de fotografia, como o multi-ângulo, que permite fotografar um objeto de vários ângulos de uma só vez, e o HDR, que produz imagens com melhor equilíbrio entre luz e sombra. E completamos o pacote com o modo Quantum Resolution, que faz fotos de 24MP, com um nível de detalhe ainda maior do que uma foto comum”, explica Vinícius.
A qualidade da tela é outra questão importante porque hoje é possível complementar o conteúdo das aulas com as dezenas de cursos gratuitos disponíveis na internet. “É possível acessar aulas de nível universitário sobre os mais variados temas por meio do OpenCourseWare, consórcio global que envolve renomadas instituições de ensino de vários países, inclusive o Brasil, ou em sites como o Coursera, por exemplo. Elas podem ser assistidas durante o trajeto de ônibus ou metrô, otimizando o tempo do jovem, desde que a tela do smartphone tenha boa resolução e o aparelho ofereça um modo de economia de bateria”, completa Vinícius.
O custo do aparelho é outro fator que deve ser levado em conta. “A busca por uma melhor relação entre custo e benefício não se restringe aos estudantes. Trata-se de uma tendência global, liderada pelos países emergentes, que levou ao boom da venda direta pela internet. No Brasil, esse fenômeno gerou a marca Quantum, que lançamos em setembro do ano passado e está se consolidando em seu segmento por sua proposta de valor”, lembra Marcelo Reis, general manager da Quantum. Por isso, a primeira coisa antes de partir para a compra é pesquisar. “Além de comparar as especificações técnicas do smartphone, atualmente, é muito comum que o consumidor também busque por testemunhos das experiências que as pessoas tiveram com o dispositivo nas redes sociais, blogs e canais de vídeo. Aliás, a prática do unboxing e dos testes de produtos é um dos pontos fortes da comunidade de TI. Tanto consumidores mais aficionados e trend setters, como blogueiros e a imprensa especializada produzem conteúdo de muita qualidade para quem precisa de informações sobre a usabilidade de um determinado dispositivo”, detalha.
Para saber mais sobre o Quantum GO e onde pode ser adquirido, acesse http://www.meuquantum.com.br.

Assine nossa newsletter

Comentários estão fechados.

Esse site usa cookie para melhor sua experiência Aceitar Leia mais

Nossa Política de Privacidade.