Tim lança novo posicionamento reforçando seus novos pilares

Quase um mês antes do evento eu recebi um #savethedate da Tim para um evento que rolaria em SP, mas não dizia bem o que era. E aí foi indo assim: recebi um áudio no WhatsAPP com uma mensagem do presidente da empresa, depois um convite gravado do Arnaldo Antunes e no dia antes do evento fiquei sabendo o horário que um carro viria me pegar.
E só.
Chegando no dia lá fui eu pra SP sem ter a menor ideia do que seria. Eu tinha dado uma pesquisada antes e imaginei que se tratava da nova marca da TIM mas era só uma suspeita. Chegando lá, um prédio super charmoso, fomos para o último andar.
IMG_20160415_094756
Finalmente recebemos um folder com uma programação, mas o dia era mesmo cheio de surpresas. E alguns eventos não estavam nessa programação, como por exemplo, um show pocket do Arnaldo Antunes.
DSCN0106
Ainda teve uma palhinha da Ana Cañas que foi maravilhosa. E notem que interessante que essa experiência também estava atrelada a um produto TIM: O TIMmusic by Deezer.
Ao término do show fomos para o segundo andar onde ia rolar as palestras com cinco nomes incríveis e que representam os novos pilares da marca: inovação, pioneirismo, qualidade, transparência e coragem. A apresentação de cada um deles foi feita pelo próprio presidente da TIM Brasil Rodrigo Abreu.
DSCN0154
Inovação com Uri Levine – Criador do Waze
Se você esbarrasse com ele na área de café não saberia que estava ali o cara que te ajuda a chegar mais rápido nos lugares. E não é só isso ele também tem várias outras empresas que trabalham com a nova Economia do Compartilhamento. Ele mostrou como o Waze no começo era uma folha em branco e aos poucos foi recebendo dados.DSCN0114
Anderson França – Pioneirismo
Será que dá pra construir uma casa em menos de um dia e sem precisar de pregos e parafusos? Essa é a proposta da Wikihouse, uma casa opensource e de construção muito simples. O Anderson é um apaixonado pelo que fala e faz e tenta conectar tecnologia e inovação para criar soluções para a classe menos assistida da população.
DSCN0116
E se a casa pode ser montada só de peças recortadas e encaixadas os móveis também deveriam seguir essa linha, certo? Pensando nisso ele também achou uma designer na Universidade da Correria que criou o projeto FARPAS.
 
DSCN0117
DSCN0119
DSCN0121
DSCN0118
Jonas Kroustrup – Qualidade
Jonas numa livre tradução é uma espécie de gestor da resiliência da cidade Vejle na Dinamarca e deu uma aula sobre gestão de cidades inteligentes. Entre outras coisas ele mostrou como sensores, malhas de dados e sistemas de integração podem melhorar para níveis extraordinários a experiência dos cidadãos com a cidade e prevenir, ou se antecipar à catástrofes.
Transparência – Gleen Greenwald
DSCN0137
Gleen Greenwald esteve no epicentro do caso WikiLeaks e confesso que poder assistir uma palestra dele foi realmente uma boa surpresa e um presente.
Muito simpático e carismático ele falou com as questões sobre privacidade estão cada vez mais delicadas na sociedade digital e como isso impacta na gestão dos governos e principalmente corporações e ele alertou sobre a importância das empresas serem cada vez mais abertas e transparentes.

“Quanto mais transparente uma empresa é menos problemas de vazamento de dados ela vai ter”

DSCN0142
Jonilda Ferreira – Coragem
Nessa palestra caiu um olho no meu cisco. A professora Jonilda mostrou com uma cidadezinha do sertão pode ter uma equipe de medalhistas nas Olimpíadas de Matemática. Sem muitos recursos mas com muito amor ela aos poucos foi ganhando os estudantes para o lado da matemática. Indo ao supermercado e até no posto de gasolina os alunos aprendem frações, multiplicações e também como ajudar os pais a fazer compra no supermercado. E a medalha claro é consequência. A professora Jonilda é uma dessas heroínas que a gente não vê todo dia no noticiário mas que olha é um soco no estômago (no bom sentido daqueles que faz você pensar que poderia fazer mais do que faz).
DSCN0144 DSCN0145 DSCN0146
Pode uma operadora de celular ser querida pela população?

“O brasileiro ama o seu celular e não gosta da sua operadora. Isso precisa mudar”

Foi com essa frase forte e duramente sincera que o presidente Rodrigo Abreu apresentou para todos a nova marca da empresa e também o que ele citou como “nova história” e um compromisso público com a nova identidade a TIM quer surpreender e ser a empresa de serviços de comunicação e informação mais querida do Brasil. Aqui neste post detalhamos um pouco mais a estratégia da mudança.
DSCN0151
E então a principal atração da manhã:
DSCN0155
E ainda tinha mais surpresas.
E não é que no térreo do prédio algumas surpresas nos esperavam. Um sortudo ganhou um sorteio com uma viagem com tudo pago e tinha degustação de VR e dos serviços de música da TIM.
IMG_20160415_124228_HDR
IMG_20160415_124214_HDR
Na hora do almoço e esbanjando uma simpatia absurda surge no salão o chef Claude Troisgros e seu fiel escudeiro Batista. Ele ensinou como fazer uma receita de Tartar de Salmão – foi uma espécie de demo ao vivo do serviço Tim Gourmet em que os assinantes tem acesso a receitas simples assinadas pelo chef.
DSCN0158 DSCN0160 DSCN0161 DSCN0165
E aí claro que pudermos degustar o prato assinado pelo Chef e eu pude tietar um pouco.
 
IMG_20160415_130406 IMG_20160415_130423
 
Se era pra agradar. Missão cumprida
A marca que quer surpreender e ser a mais querida do Brasil em seu segmento tem que de fato surpreender de forma tangível e não só no discurso. E nisso me parece que a TIM Brasil está fazendo bem sua lição de casa. Não só pelo evento impecável e que conseguiu de fato concretizar os novos valores da nova marca para uma plateia seleta de formadores de opinião, como também ao se declarar publicamente contra o corte de internet através de franquias.
O evento ainda permeou degustações de vários produtos mostrando que a marca tem investido em conteúdo de qualidade e serviços de valor agregado num segmento em que a comoditização é um monstro que ronda diariamente os números das companhias deste segmento. Se a gente nem usa tanto o celular para ligações a gente vai usar para que? Essa é com certeza uma pergunta que a TIM se preparou para responder e claro que vou ficar de olho para contar tudo para vocês.
É fato que a empresa não é perfeita (como nenhuma é) e que talvez você leitor esteja lendo e lembrando de ter tido – ou algum conhecido que tenha tido – algum problema com a marca. Mas me pareceu que a empresa está de fato querendo resolver isso e de forma prática e deixar mesmo para trás os problemas antigos, mas a concretização de tudo se dará nos próximos meses conforme a nova filosofia for aparecendo nos pontos de vendas e incorporadas pelas equipes corporativas. Acho que vale mesmo a pena dar um crédito para esses esforços.
E não posso deixar de citar o carinho aqui que toda equipe regional e nacional de comunicação/AI/PR da TIM teve com a minha presença lá. Todos muito preocupados com a minha experiência no evento. A marca foi muito querida comigo.

Comentários estão fechados.

Esse site usa cookie para melhor sua experiência Aceitar Leia mais

Nossa Política de Privacidade.